"Domésticas" volta a São Paulo e vira filme

O teatro e a dança caminham juntos e complementam-se no espetáculo Domésticas, de Renata Melo. A peça reestréia nesta sexta-feira, no Tuca, e fica em cartaz até o dia 3. A diretora leva ao palco o seu olhar afiado sobre o cotidiano e mostra a vida das empregadas domésticas no Brasil.Domésticas faz um recorte no universo social e cultural das personagens e o apresenta ao público. A partir de padrões de comportamento e de consumo, a maneira como concebem a realidade e seus valores são encenados com humor, sem, no entanto, desprezar a reflexão.Para elaborar o trabalho Renata realizou mais de cem entrevistas em São Paulo. Então, reuniu uma série de histórias comuns que revelaram a situação dessas pessoas, a matéria-prima para a criação. "Fizemos tudo isso há dois anos, depois rodamos pelo Brasil com o espetáculo," afirma Ranata."Circulamos em turnê via Sesc por Rondônia, Roraima, Acre, participamos de festivais no Ceará e percebemos que a situação era a mesma," diz. "Após todas essas apresentações acredito que o espetáculo voltou mais maduro."Renata conta que ficou apreensiva ao percorrer cidades diferentes: "Como realizei a pesquisa em São Paulo, fiquei preocupada com a reação do público em outras regiões, tinha receio que Domésticas fosse muito paulistana; mas foi um sucesso houve identificação nacional."A peça sofreu poucas variações, apenas os valores foram adequados de acordo com os locais. "Domésticas é um espetáculo de teatro-dança feliz na escolha do tema porque, na coreografia, pudemos trabalhar com toda a movimentação delas, como o ato de varrer, por exemplo, e quanto à dramaturgia, lidamos com a vida dramática dessas mulheres," explica a autora.Essa vida dura também poderá ser vista, em breve, no cinema. Domésticas virou filme: "A peça está dentro do filme, elegemos os melhores personagens e criamos uma história para cada um," afirma Renata. "A linguagem cênica foi bem adaptada à linguagem cinematográfica e a edição ágil está no ritmo da coreografia." O longa-metragem, produzido pela O2 Filmes, ficou entre os cinco finalistas do Festival de Cinema de Roterdã e recebeu uma ajuda do Fundo Hubert Balls para a sua finalização.Projetos - Renata Melo está com a agenda lotada. Atualmente, trabalha com irmã, Patrícia Melo, que está estreando a peça Duas Mulheres e um Cadáver, no Rio. Renata é a responsável pela preparação corporal do grupo. Faz o mesmo para A Megera Indomada."Também estou realizando uma nova pesquisa, meu foco de atenção é a passagem do tempo na vida das pessoas," revela a autora. "Primeiro pensei em estudar pessoas mais velhas, mas acabei conversando com pessoas comuns, elegi fatos comuns ao ser humano como o amor, a morte, o nascimento, enfim, situações identificáveis." O novo espetáculo deverá estrear no primeiro semestre do próximo ano e ainda está na fase de produção e seleção do elenco."Quanto ao elenco, acho importante destacar que não houve alteração, esses jovens estão juntos há dois anos, cresceram profissionalmente e estão mostrando a qualidade de seu trabalho em Domésticas," reforça Renata.Domésticas - Musical. Texto e direção de Renata Melo. Duração: 1h40. Sexta e sábado, às 21h30; domingo, às 20h30. R$ 20,00. Tuca. Rua Monte Alegre, 1.024, tel. 3670-8453. Até 3/9.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.