Do teatro para a música

Compositores e cantores, Karina Buhr e Thiago Pethit lançam álbuns de[br]estreia marcantes, em que incorporam experiências com as artes cênicas

Lauro Lisboa Garcia, O Estadao de S.Paulo

16 de março de 2010 | 00h00

Eles têm outros pontos em comum: referências alemãs, sonoridade "suja" nos discos e o produtor Yury Kalil, do Cidadão Instigado

Thiago Pethit conheceu Karina Buhr no Teatro Oficina. Ele desistiu depois de um mês de ensaio. Ela seguiu em frente. De qualquer maneira, é notável como ambos, compositores e cantores, incorporaram suas experiências com as artes cênicas em seus marcantes álbuns de estreia. Eu Menti pra Você (de Karina) e Berlim, Texas (de Thiago) despontam como candidatos a melhores de um ano que ainda terá outros promissores CDs de estreia, de Leo Cavalcanti, Marcelo Jeneci e Tulipa Ruiz, entre outros da cena paulistana.

Karina nasceu em Salvador, mas é de Recife. A identificação de sua música vem de lá. "A primeira coisa que fiz foi dançar no Balé Popular de Recife. Aquilo pra mim é teatro. Era tudo dançado, mas tinha diversos personagens. Sempre fui louca por teatro, só que comecei a tocar e acabei me envolvendo completamente nisso", diz a cantora. "Queria ser atriz, nem passava pela minha cabeça fazer música, mas já escrevia."

Paulistano, 27 anos, Thiago já teve banda de rock, "mas era um hobby". Desde criança estava determinado a fazer teatro. Formou-se em artes cênicas e ficou sete anos trabalhando com isso. "Uma das coisas que mais interessavam teatralmente eram as peças do Brecht. Tanto pela maneira como ele via as questões políticas como pela própria didática, a manipulação dele, aquilo tudo me deixava encantado", lembra o cantor. Nem precisa dizer quer as influências de Brecht impregnam seu CD.

Referências alemãs também se explicitam no álbum de Karina, que dedicou ao avô a canção Soldat. Suas letras são repletas de personagens. Numa inversão de papéis, ele escancara a verdade mais íntima, retratando a si mesmo, enquanto ela faz mistério, brincando com a mentira. Karina e Thiago também estão ligados por Yury Kalil, que produziu o CD dele e mixou o dela. Em ambos há a evidência de uma naturalidade que se expõe na "sujeira" sonora.

SHOW DE LANÇAMENTO DE KARINA BUHR

Choperia do Sesc Pompeia, Rua Clélia, 93, telefone 3871-7700. Dia 27, às 21 h. R$ 4, R$ 8 e R$ 16

SHOW DE LANÇAMENTO DE THIAGO PETHIT

Sesc Vila Mariana, Rua Pelotas, 141, telefone 5080-3000. Dia 25, às 20 h. R$ 5, R$ 10 e R$ 20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.