Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Diretores da Globo ganham vez na TV paga

Fábio Porchat e Gregório Duvivier fazem piadinhas enquanto assistem ao clipe Cabeça Dinossauro, dos Titãs. Essa é uma cena extra do filme Vai que Dá Certo, de Maurício Farias, em versão estendida que vale só para o Telecine. Coproduzido com o selo Telecine Productions, o longa está estreando no Telecine On Demand.

Cristina Padiglione, O Estado de S.Paulo

03 Setembro 2013 | 02h15

Os últimos cubanos que aqui chegaram não encontraram recepção calorosa. Ainda assim, Cuba, país onde as novelas brasileiras fazem grande sucesso, colocará a obra brasileira em foco para abordar o realismo fantástico da TV durante o Festival de Rádio e TV local, de 8 a 16 deste mês, no Palacio de Convenciones de La Habana.

Saramandaia, a primeira e a atual versão, serão abordadas no Festival de Cuba. Convidado a discursar sobre o assunto pelo Instituto Cubano de Rádio e Televisão, o doutor em teledramaturgia Mauro Alencar embarca com a obra de Dias Gomes debaixo do braço.

Massaranduba, o saudoso personagem de Cláudio Manoel no Casseta & Planeta, iria adorar a novidade: o canal Combate prepara o lançamento de nova oferta de aplicativos para tablets, smartphones e afins, com todas notícias sobre MMA e a programação do canal.

A HBO já definiu que O Negócio, série da Mixer atualmente no ar, ganhará uma segunda temporada.

O Multishow acerta os últimos detalhes do cenário do seu prêmio de música, que ocorre esta noite. A rampa de acesso será uma pista de corrida e o piso da varanda é revestido de grama sintética, com duas grandes arquibancadas laterais.

Silvio Santos tomou o lugar de Eliana e acabou em terceiro lugar no Ibope, enquanto a loira manteve, para o SBT, a vice-liderança na faixa das 13 h. Resumo da ópera: todos voltam ao antigo horário no próximo domingo.

Nova garota propaganda da UMA, Luciana Gimenez trocou seis vezes de figurino para posar para a atual campanha da grife. E planeja usar esses bastidores no seu Superpop, via RedeTV!, em programa que só irá ao ar em outubro. Ela vem antecipando gravações para tirar uma semana com as crianças.

A nova política do diretor-geral da TV Globo, Carlos Henrique Schroder, de aproximar TV aberta e TV paga prevê que projetos apresentados por diretores e autores da casa tenham agora mais de uma opção como destino. Se não encontrar espaço na concorrida grade da TV aberta, uma ideia pode ir parar no Multishow, no GNT ou em outro canal pago do grupo. Isso não quer dizer que a Globosat ficará com as sobras da TV aberta - ao contrário. Os profissionais da Globo é que passam a ter liberdade para sugerir ideias para determinado canal. O objetivo é aproveitar a estrutura da TV aberta e as grandes oportunidades criadas pela TV paga.

Mais conteúdo sobre:
Cristina Padiglione

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.