Diretora volta suas lentes mais uma vez para São Paulo

Denise Saraceni talvez seja a diretora carioca que mais filmou em São Paulo. Ela é atraída pela cidade desde o seriado Malu Mulher (1979), a primeira produção em que atuou na Globo, como assistente de produção. Aqui, já rodou, por exemplo, as novelas Torre de Babel (1998), Belíssima (2005) e Ciranda de Pedra (2008), além da minissérie Queridos Amigos (2008), onde mostrou a cidade nas épocas mais diversas. Em Passione, por meio do autor Silvio de Abreu, ela descobriu o Tatuapé, na zona leste, um bairro com dois mundos. "É uma loucura o Tatuapé, me surpreendi com o dinheiro que rola lá", admite. Mas está mesmo encantada pela Ceagesp, que terá parte reproduzida no Projac. "Conseguimos ali cenas incríveis. Vai ser um trabalho bonito de reconstituição."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.