Diretor Peter Jackson se recupera de operação de úlcera

Por causa da operação do diretor neozelandês, rodagem do filme 'O Hobbit' deve atrasar

Efe,

30 de janeiro de 2011 | 05h30

SYDNEY, Austrália - O diretor de cinema neozelandês Peter Jackson se recupera na unidade de terapia intensiva do Hospital de Wellington, após uma operação de úlcera estomacal, o que atrasará a rodagem de O Hobbit, informou a imprensa local.

Jackson, que também dirigiu O Senhor dos Anéis, foi internado na quarta-feira passada com fortes dores e terá que permanecer alguns dias no hospital até que os médicos lhe deem alta.

A filmagem das duas partes de O Hobbit tinha previsão de começar na semana que vem na Nova Zelândia, mas a operação do diretor atrasará a data.

Sua agente, Melissa Booth, assinalou que Jackson se recupera de maneira satisfatória e poderá dirigir dentro de algumas semanas.

Em outubro do ano passado, a produtora Metro Goldwyn Mayer esteve a ponto de levar a produção para outro país após os problemas com os sindicatos de atores locais, mas o Governo neozelandês interveio e aceitou modificar a lei laboral para salvar o projeto.

A história de O Hobbit transcorre cronologicamente antes de O Senhor dos Anéis no mundo de ficção criado por J.R.R. Tolkien, e está previsto que o primeiro filme chegue aos cinemas em 2012.

Tudo o que sabemos sobre:
CinemaartePeter Jackson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.