Diretor filma 'Ligeiramente Grávidos' com a própria família

No longa, sua mulher e as duas filhas improvisam diálogos inspirados na própria rotina da família

Franthiesco Ballerini, do Jornal da Tarde,

07 de setembro de 2020 | 19h22

Antes de responder à primeira pergunta sobre sua comédia "Ligeiramente Grávidos", que estréia nesta sexta, 21, no Brasil, o diretor Judd Apatow ("O Virgem de 40 Anos) tira da bolsa uma barra de chocolate enorme.  Sentado em um quarto de hotel em Santa Mônica, Califórnia, ele nem conseguiu dar a primeira mordida quando sua mulher, Leslie Mann, abre a porta, tira a barra de suas mãos, a parte ao meio e diz: "Você está de regime, nem pense em comer tudo. Boa entrevista".  Trailer de Ligeiramente Grávidos  A cena, presenciada por um grupo de jornalistas do mundo inteiro, não constrangeu o diretor. Afinal de contas, muito de sua intimidade foi exposta de propósito em "Ligeiramente Grávidos. E não é por menos: no filme, sua mulher, Leslie, e as duas filhas pequenas, Iris e Maude, vivem mãe e filhas de verdade e improvisam diálogos inspirados na própria rotina da família. E como Apatow ficou atrás das câmeras, entrou em seu lugar Paul Rudd como o pai da família. "Não fiquei preocupado em expor minha família, e pouco me importa se minhas filhas vão levar a sério ou não a vida artística", diz Apatow, num estilo descontraído bem diferente de sua mulher, que quando questionada sobre os palavrões que as garotinhas falam ficou toda temerosa. "Vocês acham que pegou pesado? Ai, sei lá, no começo eu resisti em colocar minhas filhas lá, mas percebi que aquilo não era um mundo tão distante delas. Um dia desses eu encontrei a minha filha mais velha pesquisando a palavra ‘assassinato’ no Google. Fiquei apavorada, mas não tem como evitar esse tipo de coisa", disse Leslie. Bebendo da fonte que o consagrou - a série cômica "Freaks and Geeks e a comédia "O Virgem de 40 Anos -, Apatow recrutou novamente parte dos atores de ambas produções, como Paul Rudd, Seth Rogen, a mulher Leslie e o ator Martin Satt.  "Fiz uma lista de coisas que eu gosto e odeio na minha mulher para entender meu personagem. Ela me ajudou na tarefa", brinca Paul Rudd, que ficou famoso como o marido de Phoebbe (Lisa Kudrow) na série televisiva "Friend's. "Nem me venha falar daquela série. Nunca me senti confortável nela porque ela era um sucesso esmagador, chega a ser esquisito até. As pessoas me viram mais na série do que em todos os trabalhos da minha carreira juntos", comenta Rudd. Previsto para ser seqüência de "O Virgem de 40 Anos, "Ligeiramente Grávidos acabou ganhando vida própria porque Apatow queria explorar mais o talento de improvisação do ator Seth Rogen. "É bizarro andar nas ruas e ver que há alguém vendendo um filme com minha cara feia na frente", brinca o ator, que fez a Fera em uma adaptação teatral da história da Disney, "A Bela e a Fera. Ao lado de Katherine Heigl ("Grey’s Anatomy"), Rogen vive Ben, um pós-adolescente sem planos para a vida, que vive com quatro amigos ainda mais irresponsáveis - o negócio deles é passar um dia carregando um site que pretende ser uma enciclopédia virtual de todas as cenas de sexo já exibidas no cinema. Katherine vive Alison, a irmã de Debbie (Leslie Mann). É repórter do canal "E!", que, para comemorar uma promoção, vai a uma boate com a irmã e acaba passando uma noite com Ben. Algumas semanas depois, descobre que ficou grávida porque o rapaz se esqueceu de usar camisinha. A partir de então, ambos passam a lidar com os problemas básicos de uma gravidez inesperada - encontrar o melhor obstetra -, além de tentar deixar Ben mais familiar com a família de Alison e conviver com seus amigos que se recusam a crescer. "Foi fácil contracenar só com homens que te ficam enchendo a paciência porque meus irmão' eram impiedosos comigo. Me chutavam e minha mãe dizia 'larguem ela', com um copo de Martini na mão", conta Katherine Heigl. O que acaba de produzir uma comédia escrita e estrelada por Seth Rogen, "The Pineaple Express", ainda sem data de estréia no Brasil - diz que confia muito no poder de improvisação do elenco. "O roteiro não era fechado. Recebia com grande agrado as improvisações e piadas desses rapazes malucos", diz Apatow, que vem resgatando em Hollywood alguns aspectos do estilo blue comedy - em seu filme, por exemplo, além das cenas esquisitas de sexo, há uma seqüência de um bebê saindo da mãe que deve causar náusea em vez de risos em parte do público. Uma dica: espere até os créditos finais, que são apresentados mostrando fotos de todo o elenco e equipe técnica de quando eram bebês.  Entrevista com o diretor Judd Apatow Diretor filmará com o amigo Adam Sandler Em entrevista ao Estado, Judd Apatow conta por que usa experiências pessoais para compor seus filmes, o trabalho de convencer a mulher a deixar as filhas participarem de "Ligeiramente Grávidos" e a amizade com o comediante Adam Sandler, com quem vai produzir uma comédia.  Buscar inspiração na própria vida virou uma técnica rotineira em suas produções, como "O Virgem de 40 Anos e "Ligeiramente Grávidos. Contar experiências pessoais facilita na direção e na criação do roteiro? Fazer uma comédia não é nada fácil. Tenho sempre uma idéia do que quero fazer improvisando situações da minha própria vida. Quando tive minhas filhas, o médico também não apareceu, então achei que seria engraçado fazer uma piada sobre isso, embora tenha sido terrível na vida real. Isso é uma boa técnica para comédias românticas como "Ligeiramente Grávidos". Que, apesar da improvisação, ainda ficam um pouco previsíveis, não? O filme é de certa forma previsível. Todos sabemos que eles terão o bebê e que talvez eles fiquem juntos. Mas isso permite curtir o filme porque você fica querendo saber como eles chegam lá, o que é meio que a definição de comédia romântica, superar obstáculos. E por que aquela cena do bebê saindo da Mulher? A gente nunca vê uma cena daquela, certo? É sempre a mesma cena mostrando apenas os joelhos e a cara de grito de mãe. Queria mostrar da onde vem aquela dor toda e que estar ao lado de alguém neste momento é quase que enfrentar uma batalha com um aliado.  Ficou com medo de colocar as filhas no Filme?Foi difícil convencer a Leslie a concordar com isso porque ela não queria vê-las virarem atrizes. Mas elas  entravam falando aquilo que queriam, muito improvisado, algumas coisas eu pedia para elas falarem. Elas quase nem notavam que estavam atuando. Minha filha menor também vive perguntando coisas constrangedoras do tipo "De onde os bebês vêm?". Então decidi pedi que repetissem isso no filme. Você morou com o Adam Sandler e agora, muitos anos depois, vai trabalhar com ele na comédia "You Don’t Mess with the Zohan. Como é isso? Morei com ele no começo dos anos 90, quando ele ainda não era famoso. Hoje, nós dois temos filhos e nos mantemos muito amigos. Ter morado com ele dois anos só vai ajudar no trabalho que faremos juntos. Ligeiramente Grávidos ("Knocked Up", EUA/2006, 129 min.) - Comédia. Dir. Judd Apatow. 16 anos

Tudo o que sabemos sobre:
'Ligeiramente Grávidos'

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.