Diretor da Globo é demitido por denúncia de assédio sexual

O diretor da Rede Globo Fábio Guimarães foi demitido na noite de terça-feira, por supostamente estar envolvido em casos de assédio sexual com figurantes do programa "Zorra Total". Ele era um dos diretores do humorístico.A Central Globo de Comunicação informa apenas que Guimarães "foi demitido porque se envolveu em um problema pessoal de grande repercussão e causou um desconforto interno na emissora", conforme a assessoria.O programa humorístico "Zorra Total" é exibido aos sábados, após a novela "Páginas da Vida", de Manoel Carlos.A notícia foi divulgada em nota na coluna Anselmo Góes do jornal "O Globo" e em ampla reportagem pelo jornal carioca "Agora", que afirma ter recebido o e-mail da suposta figurante do "Zorra Total", que acusa o diretor de assédio. Identificando-se como Lu, atriz e jornalista, ela teria enviado a mensagem eletrônica com conteúdo pornográfico, que teria trocado com o diretor, além de fotos de masturbação, para a diretoria da Globo, colegas e mídia. Segundo o "Agora", a suposta figurante afirma no e-mail ter tido um caso com o diretor durante três meses, além de acusá-lo de escalar atrizes em troca de sexo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.