Diretor afirma que Heath Ledger estava 'cheio de criatividade'

Cineasta britânico comentou a dedicação do jovem ator durante as filmagens do novo capítulo de 'Batman'

Efe,

29 Janeiro 2008 | 07h46

O cineasta britânico Christopher Nolan, diretor do filme Batman: The Dark Knight, afirmou que o ator australiano Heath Ledger, que interpreta o Coringa na obra e foi encontrado morto no dia 22 de janeiro, estava em um período "cheio de criatividade".   Veja também:   Causa da morte de Heath Ledger deve ser revelada em 10 dias Família diz que morte foi acidental Morte choca a Austrália  Galeria de fotos  Trailer de 'Batman', último filme de Ledger      "Sua criatividade estava em cada gesto. Ele me disse uma vez que gostava de esperar um tempo entre um papel e outro até que voltasse a sentir fome criativa", escreveu Nolan em uma homenagem publicada na última edição da revista Newsweek.   O cineasta britânico comentou ainda a dedicação do jovem ator australiano no set durante as filmagens de um novo capítulo das aventuras de Batman.   "Ledger e outro ator deviam filmar uma cena complexa. Tínhamos dois dias para filmá-la e no final do primeiro dia os dois acreditavam que tinham encontrado algo realmente bom, e Heath estava preocupado em perder esse momento se a filmagem parasse", explicou.   "Ele quis continuar e terminá-la. É difícil pedir à equipe de filmagem que fique até mais tarde quando ela sabe que há tempo suficiente para terminar o trabalho no dia seguinte. Mas todos pareceram entender que Heath tinha algo especial e que tinha de capturar isso antes que desaparecesse", continuou.   O diretor concluiu sua lembrança sobre o ator comentando como terminou aquele duro dia de filmagens. "Meses depois soube que Heath deixou o set essa noite depois de agradecer a todos os membros da equipe por terem ficado até tarde. Silenciosamente, ele se sentiu agradecido pela oportunidade de criar que tinham lhe dado", concluiu.   Heath Ledger, protagonista do filme O Segredo de Brokeback Mountain (2005), foi encontrado morto em seu apartamento de Nova York no dia 22 de janeiro. A causa da morte continua desconhecida.   O ator australiano foi encontrado morto e nu aos pés de sua cama, segundo a polícia, e tinha por perto medicamentos para dormir e outros vendidos com receita.

Mais conteúdo sobre:
Heath Ledger Christopher Nolan

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.