Direto da Fonte

Quatro patas

Sonia Racy, O Estado de S.Paulo

04 de agosto de 2011 | 00h00

O Conar abriu processo contra a campanha "Pôneis Malditos", da Nissan, veiculada na internet e na TV. Até ontem, recebeu quase 30 reclamações do Brasil inteiro. Queixa central? A associação de ícones infantis (pôneis em forma de desenho animado) com a palavra "maldiiiiitos".

O Conselho avaliará a peça, com mais de 3,5 milhões de acessos no YouTube. Em 30 dias.

O meu lugar?

Depois de tentar derrubar Chalita, sem sucesso, na disputa pela Prefeitura, Paulo Skaf entrou em nova campanha pelo interior do Estado.

Organiza convocar convenção do PMDB para tirar a presidência estadual do partido das mãos de Baleia Rossi.

Camarada

Pedro Fida entrou no conselho da Corte Arbitral do Esporte, principal órgão de arbitragem esportiva do mundo. O brasileiro, ex-Pinheiro Neto, já está na Suíça, mas escapou de julgar Cesar Cielo.

Nota só

E Emanoel Araújo ficou sozinho de vez no conselho do Museu Afro Brasil. O último integrante saiu anteontem.

Noves fora

Engana-se quem acredita que a empresa criada a partir da fusão Drogasil-Droga Raia pode aceitar, em uma segunda etapa, "casar-se"com a BR Pharma.

Se a empresa de André Esteves pedisse hoje a "mão" da recém-casada, levaria um não.

Direto na tomada

Diante das barreiras colocadas pelo governo brasileiro à intenção de lançar seu carro elétrico no Brasil, a Nissan faz ação de marketing junto a formadores de opinião. Estão no Brasil, em sistema de test-drive, vário modelos Leaf.

A favor, além do absoluto silêncio, está o custo por quilômetro rodado no Brasil: 70% mais barato na comparação com o carro movido a gasolina. Contra, a autonomia limitada a 100 km e a falta de postos para abastecimento.

É preciso chegar todo dia em casa e... plugá-lo na tomada.

Menores frascos...

O Chanel nº5 ganhará biografia, assinada por Tilar Mazzeo. Além de falar sobre Coco, o livro explicará por que a fragrância é chamada de "le monstre" pelos especialistas.

Chega em agosto, pela Rocco.

Lá não como cá

O Cenipa, centro de investigação de acidentes da Aeronáutica, estranha. Segundo fonte da Aeronáutica, o relatório do BEA sobre a tragédia da Air France, divulgado semana passada, traz diferença importante na comparação com o feito no Brasil em relação ao acidente da TAM em

Congonhas.

Como a Airbus tem como meta fazer aeronaves cada vez mais automatizadas, o Cenipa sugeriu que a empresa elabore também sinalização para o piloto. Por meio de seu display, o sistema indicaria a correção a ser feita em caso de falha no super-avião.

Técnicos acham que a Airbus se preocupa demais em prevenir acidentes consequentes de falha humana. E de menos com um possível erro da aeronave.

Padrinho

Na conversa que teve com Joseph Blatter, sábado no Rio, Luis Felipe Tavares, da Koch Tavares, conseguiu. O presidente da Fifa prometeu defender a inclusão do beach soccer nas Olimpíadas.

Quórum

Ricardo Teixeira pode dormir tranquilo. Até ontem, dois abaixo-assinados online pedindo sua saída da CBF somavam meras 5.300 adesões.

Reta final

Sandra Werneck já testou seis atrizes para o papel de Marina Silva. Quer eleger pelo menos três antes de mostrar à própria.

Na frente

A British Library lançou campanha para angariar 2,75 milhões de libras. Quer comprar o livro mais antigo da Europa, o Evangelho de São Cuthbert. Há duvidas se vai conseguir em meio à crise.

A Gucci abre loja no Iguatemi em... Brasília. Dia 9,com Carolina Ferraz e Vivianne Piquet como hostesses.

Dilma que se cuide: Kamura voltou inspirado do Japão. Prometendo técnicas de beleza e maquiagem pra lá de high-tech.

Norman Lance autografa o livro Conexões. Hoje, na Livraria da Vila da Fradique.

Lu Alckmin recebe doações arrecadadas pelo Itaú. Hoje, na sede do banco.

Marcio Scavone comanda curso e faz mostra de suas fotos a partir do dia 17. No Instituto Carrefour.

Eliane Goes abre a exposição História da Arte em Almofadas Exclusivas. Dia 18, na Caradecasa.

Pela vontade dos turistas, o dólar já estaria abaixo de R$ 1,50. Pesquisa do Ministério do Turismo mostra crescimento de 40% no número de pessoas que querem, no segundo semestre, viajar ao... exterior. Mantega agradece por nem todos terem condições.

Colaboração

Débora Bergamasco debora.bergamasco@grupoestado.com.br

Marilia Neustein marilia.neustein@grupoestado.com.br

Paula Bonelli paula.bonelli@grupoestado.com.br

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.