Direto da Fonte

Previsão do tempo

Sonia Racy, O Estado de S.Paulo

07 de dezembro de 2010 | 00h00

Amauri Pastorello, do Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado, instalará em São Luiz do Paraitinga quatro pontos de monitoramento de chuvas. Isso, para tentar evitar tragédia similar a do início deste ano. Custo: R$ 200 mil.

Enquanto isso, segue briga no Ministério Público sobre a retirada das pedras do leito do rio que batiza a cidade. Se por um lado o desassoreamento pode diminuir os transbordamentos, por outro pode prejudicar o turismo da região - famoso entre os praticantes do rafting.

Nuvens

E na sexta sai licitação de R$ 2 milhões para reconstruir a histórica Capela das Mercês.

A caminho

O Ministério da Saúde doará ao Haiti, nos próximos dois anos, R$ 3,5 milhões em 15 milhões de doses de vacinas contra difteria, tétano e coqueluche. Para a epidemia de cólera, o Brasil investirá US$ 1 milhão no país.

Sem marola

Ao que tudo indica, será tranquila a transição na Secretaria-Geral da Presidência. Sobre seu sucessor no posto, Luiz Dulci confidenciou a amigos: "Com Gilberto Carvalho, o diálogo com os movimentos sociais será respeitoso e produtivo. A democracia participativa avançará ainda mais no governo Dilma". Em janeiro, Dulci estará na equipe de ex-colaboradores de Lula no Instituto Cidadania.

Brasília, eu fico

Celso Amorim deixa a casa na Península dos Ministros, mas não o Distrito Federal. Foi o que o próprio contou na semana passada a um interlocutor, em Washington, onde recebeu o prêmio Pensador Global, da revista Foreign Policy. Amorim alugou apartamento na cidade por causa de Ana Maria, sua mulher. Ela continua no serviço público.

Rio, eu vou

O casal Amorim, entretanto, pretende reabilitar a casa de Ipanema, no Rio. Já pediu ao inquilino para deixar o imóvel. O quase ex-chanceler pensa em dar aulas na UFRJ. "Não vão me encontrar na Fiesp", ironizou, alfinetando alguns críticos de sua política externa.

Em alta

A Art Basel Miami Beach esteve tão cheia no fim de semana que bombeiros precisaram fechar o Convention Center. E o saldo para artistas brasileiros foi positivo. Beatriz Milhazes, por exemplo, fez uma das instalações mais impactantes: um piso de cerâmica com ouro 24 quilates.

Louco por ti

Chico Buarque, tricolor fervoroso, comemorou a vitória do Fluminense em seu apartamento do Leblon, no Rio.

Só no sapatinho

Rodrigo Santoro atacou de... pagodeiro. Ele cantou Fugidinha durante o show do Exaltasamba, no fim de semana, no Rio. Convite de Regina Casé, que estava no palco.

Tônica sem gim

Elza Soares, que deu rasante em São Paulo para apresentação no Auditório Ibirapuera, surgiu toda alegre, sábado, no bar Quitandinha. Conversou com fãs, sentou no colo de Bruno Lucide, 28, marido e empresário, mas dispensou bebida alcoólica: "Como eu já sou muito louca, estou tomando só tônica", avisou.

Fração

Alta fonte da equipe de transição do novo governo do Estado garante: Geraldo Alckmin quer desmembrar a Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo.

Na frente

Ronaldo filmou, semana passada, um viral para Nike soltar na internet caso o Corinthians perdesse o Brasileirão. No filme, o craque fica 46 segundos em silêncio e, na sequência, surge a frase #maiorquetudoisso.

Para celebrar a conquista de quatro prêmios da International Properties Awards, o escritório Edo Rocha arma festa amanhã no Leopolldo Plaza.

A Schincariol apresenta a água gourmet FYS. Dia 14, no Jockey Club.

Silmara Rodrigues lança em sua loja Moleskine para grávidas, a Nove Meses. Hoje.

Nos Jardins do Éden, de Christian Cravo, e a mostra Parallel Nippon abrem hoje no Instituto Tomie Ohtake.

Carlos Teixeira autografa Entre, hoje, no terreiro concebido pelo arquiteto na Bienal de São Paulo.

Inezita Barroso, Mônica Salmaso e Paulo Freire apresentam-se no Festival Voa Viola, no Sesc Pinheiros. Quinta.

Suzana Villas Boas pilota festa em prol do projeto de revitalização do Cine Teatro Paraty. Amanhã, no Estúdio Emme.

Nova bebida virou febre entre os descolados de São Francisco, nos EUA. Trata-se de um chá que mistura aminoácidos, vitaminas C, complexo B e gotas de álcool. Chama-se...Kombucha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.