Direto da Fonte

Aos amigos, a lei

Sonia Racy, O Estado de S.Paulo

16 de novembro de 2010 | 00h00

Se sentindo altamente lesado ante pelos diretores do Banco Panamericano, inclusive pelo primo de sua mulher e ex-personal trainer Rafael Palladino, Silvio Santos colocou uma equipe de juristas para trabalhar durante o feriado.

E hoje se reune com integrantes da holding e jurídico do Grupo para traçar uma linha de ataque: vai processar todos os diretores do Panamericano.

Entre familiares

Fabio Auriemo entregará, em março do ano que vem, o cargo de presidente do Conselho de Administração da JHSF a seu filho José Auriemo Neto. O fato marca o fim do processo sucessório iniciado há cinco anos. Suas duas filhas, Ana e Marina, também permanecem na empresa.

O fundador da JHSF se mantém como acionista e toma mais um rumo. Além da gestão de fundos de investimentos, modela a criação do Instituto José Auriemo, uma homenagem a seu pai. Trata-se de uma entidade voltada ao terceiro setor.

Jeito PT de ser

Segundo alta fonte do PT, já existem dois "candidatos" à liderança do partido na Câmara a partir de 2011: Paulo Teixeira e Jilmar Tatto. E diferente do que se tem dito, não existe esse consenso todo entre petistas em torno do Cândido Vaccarezza para suceder Michel Temer na Câmara. Arlindo Chinaglia também está no páreo.

Nem te ligo

Operadores de telemarketing continuam ligando em nome do Banco Panamericano para prospectar novos clientes. Oferecem cartão de crédito.

Terra da garoa

Robson Andrade, novo dirigente da CNI, dará continuidade ao trabalho de seu antecessor de fortalecer a entidade. Decidiu a transferência do tradicional Encontro Nacional da Indústria, evento que reúne quase 1500 lideranças empresarias do País. E pela primeira vez na história da confederação, São Paulo - e não Brasília-, sediará o debate, no dia 2 de dezembro. "A partir da capital paulista, disseminaremos oportunidades de negócio pelo Brasil inteiro", revela.

Não deve bater de frente com Paulo Skaf, da Fiesp.

Espera na janela

É grande a expectativa da Prefeitura para que, antes de sair, Lula referende o nome da cidade de São Paulo para sediar o evento internacional Expo de 2020. A proposta para a capital se candidatar já foi enviada há alguns meses, mas até agora... Nada.

Suficiente

Milhem Cortaz, o Capitão Fábio, garante que não haverá um Tropa de Elite 3. "O Padilha me disse que não tem mais o que falar", contou o ator à coluna.

Livre, a fumaça

O cigarro voltou às casas noturnas da capital paulista. Frequentadores pitam na pista sem o menor constrangimento. Do Baixo-Augusta, como o Vegas, até baladas nos Jardins, como o Dorothy Parker, os seguranças não coíbem a prática.

Corrida das togas

Cezar Peluso, do STF, corre para não ficar pra trás. Acaba de convocar o segundo Encontro Nacional do Judiciário, habitualmente anual.

O último, em fevereiro, foi presidido por Gilmar Mendes, seu antecessor.

Superman em cena

Toda festa de celebridade segue o mesmo enredo. Fotógrafos e repórteres espremem-se em um espaço mínimo. Imploram por uma frase dos artistas que se cansam rapidamente. E a produção, a passos lentos, tenta organizar a bagunça.

Isto aconteceu quinta, na pré-estreia de Amor por Acaso, no Kinoplex do Rio. Primeiro filme dirigido por Márcio Garcia, traz no elenco Juliana Paes e o americano Dean Cain - famoso pelo seriado Lois e Clark: As Novas Aventuras do Superman, exibido pela Globo nos anos 90.

O que aconteceu? Juliana não surgiu com a simpatia que é sua marca. Será que estava cansada por causa dos oito meses de gravidez? O fato é que Cain, que mora em Malibu, Califórnia, brilhou sozinho. Durante entrevista coletiva respondeu, com bom humor, que não costumava vestir cueca por cima da calça - como fazia seu personagem mais famoso, o Super-Homem. E que sabia falar "bom dia" e "bunda" em português. Disse também que provou caipirinha, que o Rio é lindo... esses clichês que assolam gringos quando visitam o Brasil pela primeira vez. Aliás, seu conhecimento sobre o País para por aí, segundo o próprio. Ele nunca ouviu falar em Lula.

Filho de um soldado que atuou na Guerra do Vietnã, Cain disse apoiar a guerra ao terrorismo, em conversa reservada com a coluna. "Na minha visão, essa ocupação militar está durando mais tempo do que deveria. Mesmo assim, eu apoio o trabalho das Forças Armadas", disse. "Felizmente, está funcionando muito bem para os dois países (EUA e Iraque)". Ele também criticou o governo Obama. "Ele está gastando muito dinheiro. Sei que Bush gastou mais do que deveria também, mas um corte nos impostos cairia bem", comentou. "Cobrar esse mundo de taxas não vai melhorar nada."

DÉBORA BERGAMASCO

Na frente

Durante turnê em SP, Paul McCartney vai circular de Audi Q7. No interior do carro, encontrará um presente: o livro Life As I See It, do arquiteto Carlos Motta.

Cameron Diaz foi vista usando um biquíni de Adriana Bittencourt.

Márcio Kogan inova. Seis contêineres ocuparão o lugar de paredes e tijolos na loja Decameron. Inaugura dia 25.

Reinaldo Soares estreia como diretor de espetáculo. A Cor do Vento, com direito a Comadre Fulozinha na trilha, será apresentado dia 4. Na Praça Victor Civita.

Depois do desfile da Victoria''s Secret, Adriana Lima alcançou o topo do ranking das modelos mais sexy do site models.com. Deixou Gisele Bündchen para trás em terceiro lugar. Alessandra Ambrósio, em quinto, e Isabeli Fontana, em sexto.

Colaboração

Débora Bergamasco debora.bergamasco@grupoestado.com.br

Gilberto de Almeida gilberto.almeida@grupoestado.com.br

Marilia Neustein marilia.neustein@grupoestado.com.br

Paula Bonelli paula.bonelli@grupoestado.com.br

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.