Direto da Fonte

Almas serristas

Sonia Racy, O Estado de S.Paulo

29 de outubro de 2010 | 00h00

Logo após o primeiro turno, o dirigente espiritual Bezerra de Menezes - já falecido - teria pedido por meio de um médium do Centro Espírita Perseverança, a convocação de 5.500 colaboradores. Motivo? Organizar reunião de preces a Ismael, protetor dos caminhos do Brasil. A reunião aconteceu e foi pró-Serra. Outra vigília foi marcada para amanhã, véspera da eleição.

Segundo três frequentadores do centro, palestrantes estão disseminando a ideia de que uma eventual vitória de Dilma trará ao Brasil guerra civil e a volta da ditadura. Com colaboração da diretoria quem tem enviado e-mails com conteúdo contra a candidata petista.

O engajamento político do maior centro espírita da America Latina, que fica na zona leste, foge às tradições kardecistas.

Pé no chão

Integrantes da campanha de Serra pediram e Dilma acabou cedendo. A candidata aceitou formato que permite aos candidatos caminharem pela arena do debate hoje na TV Globo.

Justificativa: a contusão no tornozelo dela teria melhorado.

Capítulo final

Foi filmado, anteontem, o último programa eleitoral de Dilma. Sua campanha televisiva termina com a exibição da bandeira do Brasil flutuando e, ao fundo, integrantes de orquestra sinfônica, de black-tie, tocam o Hino Nacional.

O programa de Serra, como essa coluna já antecipou, acaba com um espetáculo de balé.

Exaustão

Sérgio Guerra, que viveu os últimos meses na ponte-aérea SP-Recife, conta os dias.

Pretende tirar uma semana para descansar.

Inclusão digital

Apesar da promessa de o programa de governo de Dilma ser levado a todos os diretórios dos 11 partidos da coligação, apenas 100 exemplares foram produzidos.

Marco Aurélio Garcia minimiza: "Quem quiser pode ver pela internet".

Tomb Raider

Não deve vir para o lançamento brasileiro de seu livro Máfia, este mês, a escritora alemã Petra Reski. Conhecida como a "Roberto Saviano (autor de Gomorra) de saias", a autora também é jurada de morte na Itália.

Karaokê

Marília Gabriela volta a atacar de cantora. No repertório de seu show está a canção Quando Tu Passas Por Mim, dedicada à apresentadora por António Zambujo, cantor de fado. Dias 17 e 18, no Bourbon Street.

Antes tarde

Foi longa mas deu certo a batalha dos produtores para comprar os direitos de 46 músicas de Bezerra da Silva - grande batalhador contra as gravadoras e editoras - para longa Onde a Coruja Dorme. O lançamento, previsto para o ano que vem, terá participação de Marcelo D2, fã do sambista.

Placar

A Record pulou na frente na briga pelos direitos de Brasileirão 2012. Apresenta projeto e proposta para o Clube dos 13 na semana que vem.

Batente

Mesmo de licença até dia 10, Belluzzo se reúne hoje com assessores para resolver pendências do Palmeiras. Entre os assuntos, as licenças da Prefeitura e da seguradora para implodir o antigo Palestra Itália.

Fé tricolor

Mesmo com o SPFC cambaleando no Brasileirão, Juvenal Juvêncio não perde mais a paciência com o time. Ao ser perguntado sobre as chances do time na Libertadores em 2011, o dirigente diz: "Fé agente tem, mas nem sempre é o suficiente".

Na frente

Além de reunião preparatória para o debate, Serra marcou massagem para hoje à tarde.

Cândido Bracher, André Esteves e Otávio Azevedo falam em seminário sobre crescimento econômico sustentado. Da Febraban e BNDES. Dia 24, no Intercontinental.

A festa oficial do Grande Prêmio de Fórmula 1 acontece dia 7. No Terraço Daslu.

Em busca de agilidade, o Santander treinará até março 40.500 funcionários.

A Emirates Airlines aumenta seus espaços nos voos Dubai-Guarulhos.

A entrega do Prêmio Portugal Telecom de Literatura 2010 é dia 8. Na Casa Fasano Itaim.

Jakow Grajew e José Antonio Oka organizam o seminário Década de Ações para a Segurança Viária no Brasil. Dia 17, na FGV.

Liana Brazil e Russ Rive, representam o Brasil na Bienal Mundial de Criatividade. No mês que vem, em Oklahoma.

Chega às livrarias Anistia, Justiça e Impunidade - Reflexões sobre a Justiça de Transição. De Kai Ambos, Marcos Zilli, Maria Thereza Moura e Fabíola Monteconrado.

Paul: o 1º mártir dos polvos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.