Direto da fonte

Controle absoluto

Sonia Racy, O Estado de S.Paulo

15 Julho 2010 | 00h00

Abelardo Bayma, do Ibama, tomou uma medida drástica. Baixou, discretamente, na segunda, uma portaria chamando para si toda responsabilidade das atuações fiscais do órgão.

De agora em diante, embargo em obra de interesse público, "como medida cautelar, somente será efetuado mediante prévia aprovação do presidente do Ibama". E mais. A atividade só será paralisada quando Bayma considerar que sua "continuidade representa risco iminente de agravamento de danos para o meio ambiente ou para a saúde pública".

Pelo que se apurou, a medida é consequência dos pedidos de interdição nos portos de Santos e Paranaguá por fiscais do Ibama semana passada, revertidos a toque de caixa. É o governo Lula fazendo de tudo para o PAC não empacar.

Rima sonora

Parceiros de longa data, Caetano Veloso e Gal Costa trabalham juntos novamente assim que o músico voltar da turnê na Europa. Caê mergulha na produção do novo CD da cantora.

Peso-pesado

Está em Brasília, discretamente, Jiang Jianqing, presidente do Industrial & Commercial Bank of China -patrimônio de US$ 242,1 bilhões. Veio para uma rodada de conversas, entre elas, com Márcio Zimmermann, dando assim continuidade à montagem de subsidiária do banco aqui.

Pasta da mamma

Caso seja demitido da seleção argentina, o técnico Maradona já decidiu:

Passa temporada em Napoli, cidade italiana que não esquece os títulos que o craque deixou por lá.

Pura ternura

Enquanto Serra e Dilma se digladiam, Aloisio Mercadante é só elogios a Alckmin.

Em almoço-debate da Câmara Portuguesa de Comércio, contou que combinou com o rival de assistir juntos ao jogo do Santos logo depois das eleições.

Rumo certo

Andrea Matarazzo anuncia hoje o destino dos R$ 20 milhões do repasse extra do orçamento recebido pela Secretaria da Cultura.

Será usado em renúncia fiscal do ICMS para empresas que investem em projetos culturais.

Em campanha

É forte a resistência das empresas seguradoras à ideia do governo de criar a Empresa Brasileira de Seguros. Enterrada três meses atrás, ela ressurge, por meio de MP, agora transformada em algo mais "light": aterrissa na forma de projeto de lei a ser debatido.

"A operação é, no mínimo, estranha. O governo quer montar uma seguradora para segurar suas próprias coisas?", pergunta Roberto Teixeira da Costa, da SulAmérica. O consultor lembra a existência de mais de 200 empresas que poderiam assumir a responsabilidade, acoplada ao resseguro internacional.

Em campanha 2

Esta ação do governo Lula se assemelha a da criação de uma estatal para operar a banda larga, ventilada há alguns meses. A ideia veio, foi bombardeada e... não mais se ouviu falar nela.

Tour Eiffel?

A Azul anuncia, semana que vem, nova aquisição de aviões. Que não são da Embraer.

Beija-mão

Índio da Costa esteve em SP, domingo, para conhecer FHC. O ex-presidente disse a interlocutores que gostou do que viu e ouviu.

Mi-ame

Luís Fabiano voa hoje, com a mulher e as filhas, para os EUA.

Elegeu Miami e Orlando para passar os últimos dez dias de férias.

Na frente

O Plano Real virou tema de exposição no Instituto FHC. A mostra conta passo a passo o processo de estabilização da moeda e é interativa. As visitas podem ser agendadas online no site do instituto.

Azar Nafisi participará de mesa de debate com Adriana Carranca e Márcia Camargos na Bienal do Livro. Na ocasião, será lançado o livro O Irã sob o Chador, Duas Brasileiras no País dos Aiatolás.

Moacyr Scliar deu um tempo na produção literária para se dedicar à leitura dos finalistas do Prêmio SP de Literatura. A cerimônia será em agosto, no Museu da Língua Portuguesa.

Abre hoje, no Instituto Tomie Ohtake, exposição individual de Alechinsky.

Sob a batuta de Andrucha Waddington, Arnaldo Antunes será personagem de um programa de TV musical. O ex-Titã irá receber convidados em sua casa para baterem papo e tocarem juntos.

O filme Luz nas Trevas, de Ícaro Martins e Helena Ignez, foi o único longa brasileiro selecionado para Festival Internacional de Cinema de Locarno, na Suíça. Em agosto.

O MAM completa hoje 62 anos. Comemora abrindo suas portas gratuitamente para o público interessado.

Com a nova Lei do Divórcio, o "até que a morte os separe" pode ser resolvido em... 24 h.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.