Direto da fonte

A Grécia será o que, amanhã?

Sonia Racy, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2010 | 00h00

A Grécia pode ser a Lehman Brothers da Europa? Segundo o brasileiro José Alexandre Scheinkman, da Princeton University, há poucas chances de isso acontecer.

E se, nesse vai e vem, a Grécia quebrar, quantos bancos franceses (que são os maiores credores do País) ela levaria junto e como isso contaminaria o sistema internacional? "Essa é outra questão", desconversa o economista.

Pelo que se apurou, para salvar a Grécia, a banca faz pressão sobre governos e entidades multilaterais usando como justificativa a desastrosa quebra do LB e suas consequências.

Grécia 2

Scheinkman é contra ou favor de salvar a Grécia? O economista acha que opções para a zona do euro são complicadas. "Salvar a Grécia significa salvar políticas fiscais perigosas."

No caso dos EUA, a constituição americana é clara. O governo federal não é responsável pelas dívidas de Estados e municípios. "Se a Comunidade Europeia tivesse algo semelhante, não sucumbiria às pressões bancárias."

Voto na tela

Dilma teve 5% de audiência no programa de Datena para a Band, dia 21. Na semana seguinte, Serra chegou a 5,4%.

Se o Ibope considera aqui também margem de erro de 2 pontos, deu empate técnico.

Ser ou não ser A única pessoa do governo que pode esclarecer se é Dilma ou "La" Bengell no site da candidata é o chanceler Celso Amorim. Afinal, ele foi continuísta de Ruy Guerra no filme Os Cafajestes. Teve a chance de vê-la por inteiro. Literalmente.

Minha casa

O PSDB confirmou o Joelma como sede de seus escritórios de campanha. Serão dois andares para Serra, dois para Alckmin e meio destinado, no momento, a Aloysio Nunes, que tenta a vaga ao Senado.

Carimbadas

O vão do Masp está virando ponto de encontro de desconhecidos apaixonados. A turma que troca figurinhas da Copa. Aos fins de semana.

O direito de ver

Silvana Bianchi, avó do menino Sean, impedida de vê-lo há dois meses, pela justiça americana, pediu ao Tribunal de Justiça do Rio que se manifeste sobre o assunto. Afinal, os juízes americanos não estariam cumprindo o acertado com a parte brasileira.

Será que se caminha para mais um embate internacional?

Big Jorge

Ainda não se sabe se isso vai para frente ou não.

Mas que Jorge Paulo Lemann está olhando, lá fora, a operação da Burger King, lá isso está. Com a intenção de montar um pool para comprá-la.

Padrão Barbie

Ana Paula Padrão, quem diria, será a primeira brasileira a se transformar em... Barbie.

Ideia da Matell do Brasil.

Pão de malte

A Brahma será a nova patrocinadora da Portuguesa. O anúncio sai na semana que vem.

De filho para pai

O pessoal do PMDB reparou. José Serra não é o pai da ideia de criar um Ministério da Segurança Pública. Ela vem sendo defendida por Marcelo Itagiba há pelo menos cinco anos.

Na frente

Acontece hoje o Fashion Day do Shopping Cidade Jardim com desfiles da coleção outono-inverno. Fernanda Lima e Ana Claudia Michels na passarela.

O Teatro São Pedro abre hoje a temporada com a Tosca, de Giacomo Puccini.

José Eduardo Agualusa vem a SP para o III Festival da Mantiqueira. Em maio.

Peter Lax, prêmio Abel 2005 - o Nobel da Matemática - está no Brasil Para seminário no Instituto de Matemática da USP. Sexta.

Marcos Gouvea volta ao mercado imobiliário.

Lindsay Lohan recebeu proposta para entrar no Celebrity Rehab, reality americano com famosos em clínica de recuperação. Declinou. Avisa que não tem problemas.

Nem jurídica, nem técnica: Temas do Seguro é uma obra prática. Antonio Penteado de Mendonça relança seu livro pela Roncarati.

Tem gente que vê maldade em tudo. A sugestão de José Temporão, para fazer sexo cinco vezes por semana está sendo vista como lobby para quebrar licença do Viagra. E usuários.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.