Democracia no Morumbi

Uma garra de 400 toneladas, parecida com uma versão gigante de um daqueles fliperamas que pescam ursos de pelúcia no shopping center, aterrissará no Estádio do Morumbi esta semana para apoiar Bono, The Edge e cia. durante três shows da turnê U2 360º, dias 9, 10 e 13, com ingressos esgotados. Trata-se tanto de mais uma ultra produção da banda irlandesa quanto uma forma mais democrática de atender aos fãs: o palco fica no centro da arena, a qualidade de som e visual pode ser igualmente distribuída entre o público, que não sofreu discriminação pois há uma cláusula no contrato da banda que proíbe as impertinentes pistas vip, impedindo os organizadores de priorizarem os fãs que pagam mais em vez daqueles que estão dispostos a acampar em frente ao estádio dias antes do show. O palco mamute foi inspirado no design do aeroporto internacional de Los Angeles. Tem 50 metros de altura, um telão de altíssima definição e quatro "pernas".

Roberto Nascimento, O Estado de S.Paulo

02 Abril 2011 | 00h00

A turnê, que começou em 2009 e foi, nos dois últimos anos, a mais rentável da indústria, promove o disco No Line on the Horizon, do mesmo ano. Quem comprou o DVD U2 360º Live at the Rose Bowl, que ainda vende como água, tem uma ideia, mas o set list varia. Duas ou três são do novo disco. O resto da apresentação tem sucessos de todas as fases do U2 intercalados com trechos de músicas dos Beatles, como Norwegian Wood, Blackbird e Sgt. Pepper"s Lonely Hearts Club Band. Quanto aos hits que marcaram a história da música pop, só os fãs que compraram ingressos para mais de um dia se sentirão satisfeitos. É comum que uma apresentação tenha Pride (In the Name of Love), mas deixe de fora New Year"s Day e I Still Haven"t Found What I"m Looking For, ou vice-versa. A única certeza é que o bis terá Where the Streets Have No Name e With or Without You. Comparadas ao tamanho do palco, que precisa de 120 caminhões para ser transportado, as exigências da banda são modestas. De acordo com um documento vazado pela assessoria da banda durante os shows no Chile, o U2 pede uma tonelada de gelo, 15 tradutores, um estilista de renome, 12 carrinhos de golfe, nove carros Mercedes, Chrysler e BMW, 75 celulares Blackberry e 350 toalhas brancas, entre outras exigências "comuns".

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.