Daniela Mercury anuncia fim de camarote em Salvador

A cantora Daniela Mercury e a promoter Lícia Fábio anunciaram, nesta quinta-feira, 29, o fim da parceria que há 18 anos mudou o carnaval de Salvador. Responsável pelo Camarote Daniela Mercury, de acesso exclusivo para convidados e para a imprensa, a dupla alterou os rumos da principal festa baiana, em todos os sentidos.

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

29 de agosto de 2013 | 17h10

Quando foi instalado pela primeira vez, o camarote funcionou como "apoio" para o primeiro desfile oficial de uma estrela da música baiana no Circuito Barra-Ondina (que mais tarde passou a ser chamado de Dodô), na orla da cidade. Até aquele momento, o Circuito Campo Grande (Osmar), no Centro de Salvador, monopolizava os desfiles de trios elétricos.

O espaço de Daniela Mercury foi o primeiro do gênero nos desfiles em Salvador e, rapidamente, ganhou a atenção da população. Recheado de convidados famosos, nacionais e internacionais, e com grande cobertura da imprensa, o camarote não só impulsionou o Barra-Ondina, hoje mais concorrido que o Campo Grande, como foi responsável pela instalação de tantos outros camarotes que, hoje, lotam as áreas de desfiles de trios na cidade.

Daniela justificou o fim de seu camarote pelos custos envolvidos na operação. "Minha equipe passava o ano inteiro tentando captar recursos (para o espaço)", conta a cantora, que revelou ter gastado R$ 7 milhões para montar e gerir a estrutura no ano passado. "A festa cresceu, a concorrência é muito grande. É triste, mas não temos mais como viabilizar (o camarote)."

Daniela aproveitou para criticar a administração pública, por não investir no que chamou de "indústria criativa" e por concorrer com artistas na captação de recursos. "O carnaval baiano depende de investimentos e a prefeitura compete com a gente para captar recursos privados", reclamou. Desde 2005, a prefeitura de Salvador vende cotas de patrocínio da folia para empresas interessadas em expor suas marcas nas principais avenidas da cidade durante a festa.

O espaço do Camarote Daniela Mercury passa a ser gerido exclusivamente por Lícia Fábio, a mais famosa promoter de Salvador. O nome, ainda não oficial, deve ser Camarote de Lícia. "Vai ser outro camarote, mas o estilo será o mesmo", afirma a promoter.

Tudo o que sabemos sobre:
carnavalDaniela Mercurycamarote

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.