Cultura resgata Quem Sabe Sabe e ensaia digitalização do acervo

Game apresentado por Walmor Chagas nos anos 1980, o quiz Quem Sabe Sabe ganhará nova versão na TV Cultura, com edições diárias e extensão ao lucrativo universo de produtos licenciados - de aplicativos a jogo de tabuleiro. Como a Cultura tem um vácuo de audiência entre o público infantil e o adulto, a ideia de Eduardo Brandini, novo vice-presidente de Conteúdo do canal, é fazer do game uma isca para ampliar a plateia na faixa das 19h. Assim, amarraria o menu infantil e adulto por meio de um programa atraente para toda a família. Até por isso, o novo Quem Sabe Sabe não será limitado a estudantes - aceitará candidatos de todas as faixas etárias e ocupações. A estreia está prevista para maio e a apresentação caberá a dois apresentadores da casa, já definidos, mas ainda não anunciados.

Cristina Padiglione, O Estado de S.Paulo

08 Fevereiro 2013 | 02h09

Acervo na web. O programa também deverá servir como chamariz para o possível lançamento de mais uma parte do acervo da TV Cultura em versão digital, por meio do portal da emissora na internet. "Quando alguém fizer alguma pergunta sobre o impeachment do Collor, por exemplo, poderemos mostras alguma reportagem da Cultura na época e convidar o espectador a visitar nosso acervo na internet", conta Brandini. Essa proposta, no entanto, ainda depende de um parceiro que vem negociando seu incentivo para tal investimento.

A meta da Cultura para este ano, conta Brandini à coluna, é fechar o calendário de 2013 com média de 1,2 ponto no Ibope da Grande São Paulo, o que representaria uma soma de 20% ao saldo de 2012. A considerar que o número de TVs ligadas na região vem caindo, o cálculo tem lá sua ousadia.

Mais conteúdo sobre:
Primavera Árabe Cristina Padiglione

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.