Cultura Artística anuncia hoje ressarcimento de ingresso

A Sociedade de Cultura Artística deve anunciar hoje como será a devolução do dinheiro para quem comprou ingressos para as peças O Bem Amado e Toc Toc. Segundo a assessoria da entidade, foram vendidas 890 entradas para as apresentações de domingo à noite dos dois espetáculos. Todas serão devolvidas, pois não há possibilidade de as peças continuarem em cartaz em outras casas, pois o figurino foi totalmente destruído no incêndio que atingiu o teatro na madrugada de domingo.Em relação às assinaturas para a temporada internacional de concertos, a Sociedade de Cultura Artística anunciou que pretende manter a agenda em outras casas de São Paulo. Na noite de ontem, seria realizado no Teatro Municipal um concerto da Orquestra Filarmônica de Liège. A mesma apresentação será repetida hoje na Sala São Paulo. Os concertos da Hallé Orquestra, nos dias 2 e 3 de setembro, também acontecerão na Sala São Paulo. Os locais para as outras quatro apresentações do ano - da Jerusalém Chamber e do grupo Kodo - serão negociados.Além de ressarcir o público, o diretor da Sociedade de Cultura Artística, Gérald Perret, diz que uma das prioridades é arrumar emprego para os 50 funcionários do teatro. "Nós esperamos o laudo para ver se é possível reconstruir o teatro. Enquanto isso, queremos ajudar quem contribui com essa casa", diz. Incêndio - A vistoria inicial dos escombros do Teatro Cultura Artística não indicou sinais de incêndio criminoso. Ontem, peritos do Instituto de Criminalística (IC) tiraram fotos e recolheram fragmentos que os ajudarão a desvendar as causas do acidente. "Em princípio, não houve dolo, não houve crime", disse Antônio Roberto Antunes Lazaro, do Núcleo de Engenharia do IC. Ao que tudo indica, diz ele, o fogo começou no palco da sala Esther Mesquita, com 1.156 lugares. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

AE, Agencia Estado

19 de agosto de 2008 | 09h06

Tudo o que sabemos sobre:
incêndioteatroCultura Artística

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.