, O Estado de S.Paulo

25 de setembro de 2010 | 00h00

RENATO TEIXEIRA E SÉRGIO REIS

AMIZADE SINCERA

Sunshine. Preço: R$ 29

Uma elegante visita ao vizinho e ao passado

É aquele dilema com o qual todo cantador um dia se depara. Fico fechado na minha fazenda aqui com o passado ou dou um pulinho no sítio do vizinho? O vizinho de Sérgio Reis, na Serra da Cantareira, é Renato Teixeira. Um visitou o outro e os dois acabaram ensaiando algumas das músicas mais vitoriosas que cantaram em suas carreiras. Não há muito mais do que passado em Amizade Sincera, CD e DVD que sai agora pela Sunshine, mas um passado bem polido, que ainda comove. O início do CD ao vivo, um formato que inevitavelmente sacrifica acabamentos, começa com um arranjo para Comitiva Esperança que consegue despertar a vontade de se estar no show. E a voz de Paula Fernandes em Tristeza do Jeca deflagra aquele fenômeno de fazer a gente pensar de novo na música que já ouvíamos de forma mecânica, na letra, na história que ela conta. E emociona. Paula é o alto de um morro que ainda tem em sua encosta Amanheceu, Peguei a Viola, Boiadeiro, Frete, O Menino da Porteira e Romaria. Victor e Leo, com a sua Vida Boa, não precisavam estar lá. Bestagem. / JULIO MARIA

OUÇA TAMBÉM

CAPIM DE RIBANCEIRA

Artista: Almir Sater. Álbum: Um

Violeiro Toca. Gravadora: Som

Livre. Preço: R$ 15.

JAZZ

MILES DAVIS

BITCHES BREW

Sony Preço: R$ 139

A efervescência criativa de Miles, 40 anos depois

Em 1969, o jazz era considerado coisa de tiozinho pela juventude flower power. Miles era visto como uma figura da velha guarda e a ideia de que um trompetista associado a quase todas as mudanças do gênero nos últimos 30 anos pudesse produzir algo de novo era inconcebível. Mas In a Silent Way e Filles de Kilimanjaro já continham as sementes elétricas que explodiriam em 1970, mostrando, como o músico deixa claro em sua autobiografia, que com Miles ninguém brinca. Bitches Brew, relançado agora em uma ótima edição de 40 anos que traz um DVD ao vivo em Copenhagem, é a seminal mistura de funk, rock, free jazz e outras mandingas concebidas pelo feiticeiro do trompete. O disco levou o jazz à próxima etapa e até hoje hipnotiza com seu caldeirão de improvisações livres e simultâneas, envolvendo o ouvinte pouco a pouco em um manto de mistério sonoro. Acompanhado de gênios como Herbie Hancock, Chick Corea e outros (muitos outros), os silêncios de Miles são tão poderosos quanto o cubismo musical desenhado por seu trompete. / R.N.

OUÇA TAMBÉM

MIDNIGHT

Artista: Jimi Hendrix. Álbum: South Saturn Delta. Gravadora: Laser Importados Preço: R$ 64.

BOLERO

ROLANDO VILLAZÓN

MÉXICO!

Universal Preço: R$ 35

Tenor mexicano tira o bolero para dançar. E se dá bem

Ele já foi chamado de sucessor de Plácido Domingo e tornou o seu rosto tão famoso quanto sua voz em parte da Europa ao aparecer no programa inglês Popstar to Operastar, que o próprio idealizou. Rolando Villazón (foto), tenor de 38 anos, mexicano naturalizado na França, não perde chance de cantar para os que não frequentam salas de ópera. Agora, usa de todos os seus recursos camerísticos para lançar no Brasil o disco México!, com boleros e canções populares de seu país. É um desfile de sons que já ganharam o mundo há décadas. Bésame Mucho, Solamente Una Vez, Noche de Ronda, Cielito Lindo. Villazón sente-se em casa, já que cantores latinos dos anos 50 e 60 se igualam aos tenores em quesitos como volume, trinados, dramatização. O disco é distribuído aqui pela Universal, mas foi lançado pela grande alemã Deutsche Grammophon, uma espécie de selo antipicaretagens. / J.M.

OUÇA TAMBÉM

EL BODEGUERO

Artista: Nat King Cole. Álbum: Nat King Cole - Collection: Espanhol. Gravadora: EMI. Preço: R$ 29.

SAMBA

LIA CORDONI

SAMBA FUSÃO

Independente

Preço: R$ 25

É melhor cantar do que explicar o "conceito"

Ter uma bela voz é só meio caminho ao aplauso. O resto do percurso fica nas mãos da direção artística. Lia Cordoni faz tudo com carinho e tem timbre e carisma para voar alto, como se ouve em Sete Ervas, Nêgo Vivido, Seu Jogo, Contra Maré. Mas seu projeto Samba-Fusão é um equívoco por trazer uma proposta que chove em campo molhado. Sambas e suas afluências é algo visitado e revisitado ao longo das décadas. E fazê-lo novamente, só se a ideia for muito original. Vale mais aqui esquecer o conceito e partir para as canções de Jairo Cechin (que assina todas as letras do disco). / J.M.

OUÇA TAMBÉM

CAVALEIRO DE ARUANDA

(Tony Osanah) Artista: Rita Ribeiro.

Álbum: Tecnomacumba. Gravadora: Biscoito Fino. Preço: R$ 32 (Americanas).

POP ROCK

HORI

HORI

Warner

Preço: R$ 29

Desafio a Fiuk: podem os meninos gostar também?

Não, eles não vão salvar o rock pop. Mas também não vão destruí-lo. Hori, chamada na própria capa do CD como "a banda do Fiuk", garoto-Malhação filho de Fábio Jr, não é a agonia que se pinta por aí. O menino canta nem melhor nem pior do que bandas "mais sérias" e de outras eras, como Charlie Brown Jr e CPM22. Sua pegada é melancólica, mesmo quando as guitarras enchem tudo. E Fiuk é daqueles que dá pinta de que logo deixa tudo e lança carreira solo, tal como o pai. Seu vibrato emocionado em Ela evoca o dilema: como fazer os meninos gostarem dele tanto quanto as meninas? / J.M.

OUÇA TAMBÉM

20 E POUCOS ANOS

Artista: Fábio Jr. Álbum: Fábio Jr Acústico (2002). Gravadora: Sony BMG - RCA. Preço: R$ 15.

MPB

SIMONE

EM BOA COMPANHIA

Biscoito Fino Preço: R$ 35

A mesma Simone, com o bom e o ruim da expressão

Um abismo separa a Simone que críticos brasileiros ouvem da Simone que chega lá fora. Aqui, Simone ganhou aura romântica de verniz cafona. Lá, é uma das belas vozes que chegam do Brasil. As duas, pois, estão neste álbum duplo. Simone tem voz de grande emissão e timbre limpo, o que a poupa de impostações descabidas. Seu repertório é o que muitas vezes não ajuda, romantizando Martinho da Vila (Ex Amor) ou sincopando Agepê (Deixa Eu Te Amar), com direito a gritinhos da plateia no verso "quero te pegar no colo, te deitar no solo e te fazer mulher". / J.M.

OUÇA TAMBÉM

INVERNO

Artista: Adriana Calcanhotto

Álbum: A Fábrica do Poema.

Gravadora: Sony BMG. Preço: R$ 13.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.