Crítica torce nariz para Madonna no teatro

Os críticos teatrais britânicos nãoficaram impressionados com a performance de Madonna na peça Upfor Grabs, em cartaz em Londres. Saíram nesta sexta-feira ascríticas da imprensa local para o espetáculo e a pop star foichamada até de "mechanical girl", por conta de uma atuaçãotida como medíocre.A peça do australiano David Williamson não deve sofrernem um pouco com as críticas negativas. Toda a temporada estácom ingressos esgotados e há venda de entradas no câmbio negropor até dez vezes o preço original. Para o The Guardian, "Madonna não conseguebrilhar". "Ela não é muito ruim, apenas tecnicamenteesquisita." Segundo o The Independent, "a mechanical girldistorce o sentido da sátira". O Daily Mailfoi mais longe: "Ao contrário de Nicole Kidman e GwynethPaltrow (celebridades que passaram pelos palcos britânicosrecentemente), ela não consegue convencer o público da idéia _qualquer idéia _ de que seriedade artística tem de vir antes."Para o Daily Telegraph, "Madonna é tão boa quanto a peça _ OK, mas nada de sensacional." As mais constantes observações negativas sobre a atuação se referiram ao fato de a cantora e atriz estar nervosa no início e de não conseguirprojetar a voz, de acordo com o site da BBC.Entre ascelebridades que compareceram à estréia oficial do espetáculo,estavam a estilista Stella McCartney e o cantor Sting, que disseque a performance de Madonna foi "maravilhosa".

Agencia Estado,

24 de maio de 2002 | 12h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.