Crítica faz palestra sobre Shakespeare

Há 44 anos, Barbara Heliodora exerce a atividade de crítica de teatro. Intolerante, condescendente, equivocada, preparada, precisa, perspicaz, destemperada, exigente - como sempre ocorre nessa função, Barbara desperta sentimentos contraditórios nos criticados e, não raro, suas críticas são motivo de polêmica. Uma coisa, porém ninguém contesta: o sólido conhecimento que ela possui da obra de William Shakespeare (1564-1616) e, sobretudo, sua paixão pelo teatro do bardo inglês.Autora dos livros A Expressão Dramática do Homem Político em Shakespeare (Editora Paz e Terra) e Falando de Shakespeare (Editora Perspectiva), Bárbara viaja no dia 31 de abril para a Inglaterra, onde verá oito montagens das peças históricas do dramaturgo. "Depois disso, ficam faltando apenas duas de suas peças que nunca terei visto em montagem inglesa", afirma.Antes dessa viagem, mais precisamente amanhã à noite, Barbara compartilha com o público paulistano parte de seu conhecimento. Ela apresenta, no Teatro Augusta, com entrada grátis, a palestra Shakespeare e seu Palco. O evento celebra a inauguração de uma nova sala no Augusta, batizada de Sala Experimental, com capacidade para cem espectadores. No encerramento da palestra, a pianista e cantora Dalet Alecio e os cantores Richard Bauer e Rodolfo Giuliani interpretam duas árias da ópera Macbeth, de Verdi."Uma das primeiras atividades que a sala abrigará será um ciclo de leituras mensais - seis tragédias e seis comédias de Shakespeare -, portanto ninguém melhor do que Barbara Heliodora para marcar a abertura da sala", diz Joaquim Goulartt, proprietário do Teatro Augusta. As leituras dramáticas vão contar com a participação de artistas como Paulo Autran, Marco Ricca, Elias Andreatto e Bete Coelho."Meu sonho é transformar o Augusta num espaço de experimentação, um ponto de encontro para que jovens artistas tomassem conta do Café do Teatro e discutissem a cena brasileira", diz Goullart. Segundo ele, a Sala Experimental já dispõe de iluminação e som, ainda que não fixos. "A idéia é equipá-la de acordo com a necessidade de cada produção. A sala é ideal para espetáculos de câmara."Shaskepeare e o Seu Palco - Palestra com Barbara Heliodora. Terça, às 20 horas. Grátis. Teatro Augusta - Sala Experimental. Rua Augusta, 943, tel. 3151-4141

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.