Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Nick Ut/AP
Nick Ut/AP

Corpo de Elizabeth Taylor é enterrado em Los Angeles

Funeral foi reservado apenas para a família; ela morreu aos 79 anos vítima de insuficiência cardíaca

REUTERS

24 de março de 2011 | 20h28

O corpo da atriz Elizabeth Taylor foi enterrado durante uma pequena cerimônia particular na região de Los Angeles, nesta quinta-feira, 24, um dia depois de ter morrido de insuficiência cardíaca congestiva, informou a polícia.  O sepultamento do corpo da atriz de 79 anos aconteceu no cemitério Forest Lawn, em Glendale, nos arredores de Los Angeles, no mesmo lugar onde seu amigo íntimo, o cantor Michael Jackson, foi enterrado em 2009.

 

Veja também:

 especialImportância e trajetória da atriz

video Críticos falam sobre a vida e a carreira

documento De There's One Born Every Minute a Flintstones

documento Os sete casamentos

documento A amizade com Michael Jackson

trailer RADAR: Imagens da atriz em cena

blog ZANIN: Liz Taylor morreu

blog MERTEN: Liz!

blog ARQUIVO: A tragédia dos belos

 

O porta-voz da polícia de Glendale, Tom Lorenz, disse à imprensa no lado de fora do cemitério que o funeral foi reservado apenas à família, com cerca de 30 pessoas.

 

Os representantes de Liz Taylor não retornaram as ligações. Na quarta-feira, eles disseram que os detalhes de uma cerimônia pública seriam anunciados mais para frente.

 

Muitas celebridades estão enterradas no Forest Lawn, como Clark Gable, Jean Harlow e Walt Disney.

 

Lorenz disse que Elizabeth Taylor foi enterrada no Grande Mausoléu, mas não ao lado de Jackson.

 

Ela foi uma proeminente ativista para as vítimas da aids e levantou milhões de dólares para pesquisas sobre a doença. Casada sete vezes, ela deixou quatro filhos, 10 netos e quatro bisnetos.




Tudo o que sabemos sobre:
Elizabeth Taylorcinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.