Corpo de Dolabella é cremado no Rio

Colegas da Rede Globo, amigos e familiares foram hoje ao cemitério do Caju, no Rio, despedir-se do ator Calos Eduardo Dolabella, que morreu na segunda-feira, vítima de complicações derivadas de diabetes, problemas cardíacos e insuficiência renal. O filho dele, Dado Dolabella, ficou o tempo todo com a namorada, a atriz Débora Secco, e ambos receberam o abraço de Tarcísio Meira e Glória Menezes durante a cerimônia de cremação.Lá estavam também os outros filhos, Fábio, Paulo e Adriana, que veio dos Estados Unidos onde mora, e a ex-mulher dele, a atriz Pepita Rodrigues. O ex-presidente do Flamengo, Márcio Braga, amigo pessoal do ator, também esteve no cemitério.Dolabella tinha 65 anos de idade e quase 40 de carreira, em que trabalhou em 29 novelas (a última foi A Força de um Desejo, de Gilberto Braga), quatro minisséries, 13 casos especiais, 16 peças de teatro e 15 filmes. De família tradicional carioca, estudou na Suíça, mas em vez de dedicar-se aos negócios como o paí, preferiu ser ator, no que foi bem sucedido.Embora não tenha sido protagonista em nenhuma de suas novelas, sempre teve papéis de destaque, muitas vezes, como o antagonista principal. Desde o início do ano passado, trabalhou pouco devido a seus problemas de saúde, que o levaram ao internamento, no Hospital Samaritano, em fevereiro desse ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.