Conjunto da Santa Casa levou mais de século para ser construído

Ensinar os ignorantes, dar bonsconselhos, punir os faltosos com compreensão, consolar osinfelizes, perdoar as injúrias recebidas, suportar asdeficiências do próximo, orar a Deus pelos vivos e pelos mortos,tratar os doentes, resgatar os cativos e visitar os presos,vestir os nus, dar de comer aos famintos, dar de beber aossedentos, abrigar os pobres e peregrinos e sepultar os mortos.Essas 14 tarefas hercúleas eram os compromissos das instituiçõesfilantrópicas no século 16 e faziam parte também do ideário daSanta Casa de Misericórdia da Bahia, fundada em 1549, durante ogoverno de Thomé de Souza.Construída em taipa, a construção começou com o Hospitalda Cidade, depois Hospital São Cristóval. Depois da invasãoholandesa, parte do conjunto foi posteriormente erguido em pedrae cal no ano de 1650. O conjunto todo levou mais de um séculopara ser construído.A irmandade da Misericórdia foi criada em Lisboa em1498. Todas as casas de caridade eram governadas segundo osCompromissos de Lisboa, tinham uma bandeira comum, celebravam asmesmas festas e tinham tradições iguais. O hospital da Santa Casa atendia as pessoas, em tese, sem consideração de raça, credo ou posição social. Seu cemitério, do Campo Santo, deveria ser disponível a todos.Na história da Bahia, a Misericórdia introduziu umrecurso europeu que teve importância crucial na capital.Tratava-se da Roda dos Expostos, um mecanismo de recebimento debebês ilegítimos que consistia numa caixa cilíndrica de madeirarepartida ao meio, instalada no muro do edifício. Ela girava pormeio de um pino no seu eixo vertical. Do lado de fora, aspessoas depositavam os filhos indesejados, resultantes de uniõesilegais ou filhos de pobres, além de relações passageiras comprostitutas e seus clientes.Segundo o livro Fidalgos e Filantropos: a Santa Casade Misericórdia da Bahia, 1550-1755, de A.J.R. Russell-Wood,também eram comuns filhos de família nobres, enjeitados pordeficiência física ou outros motivos. Pelo mecanismo, eraimpossível saber quem estava abandonando a criança. À Santa Casa, caberia sua criação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.