Conferência busca 100 saídas para cultura de SP

O ministro Gilberto Gil e o secretário municipal da Cultura, Celso Frateschi, abrem hoje, às 19 horas, a 1.ª Conferência Municipal de Cultura, convenção que pretende debater os rumos da política cultural na cidade. De hoje a domingo, no futuro Museu da Cidade (o Palácio das Indústrias, no Parque D. Pedro II), 130 delegados eleitos em pré-conferências discutem 650 propostas que vão compor um documento com 100 propostas finais. O documento final deverá nortear políticas na capital e será apresentado no Fórum Cultural Mundial, em 26 de junho. No domingo, haverá uma palestra com o poeta e presidente da Fundação Perseu Abramo, Hamilton Pereira. Diversos grupos de trabalho foram formados, divididos da seguinte forma: Gestão Cultural; Memória e Patrimônio Cultural; a Cultura como Atividade Econômica; Globalização e Metrópole; Interfaces da Cultura com a Educação, e Cidadão e Cultura: Possibilidades de Ampliação de Acesso e Participação e Criação do Cidadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.