'Como Aproveitar o Fim do Mundo' estreia amanhã

O fim do mundo já foi anunciado pelos maias e a ordem agora é aproveitar a vida o máximo possível, até o Juízo Final no dia 21 de dezembro de 2012. É com esse mote que a nova série da Globo, "Como Aproveitar o Fim do Mundo", com Alinne Moraes e Danton Mello, estreia nesta quinta-feira, após "A Grande Família".

AE, Agência Estado

31 Outubro 2012 | 10h49

O seriado conta com oito episódios, sendo o último exibido à meia-noite do dia 20 de dezembro, véspera do "apocalipse". Na trama, Alinne é Kátia, uma extrovertida funcionária do departamento pessoal que conhece Ernani (Danton), um homem certinho da contabilidade e ali mesmo, no escritório, vai nascer um romance para durar até o final dos tempos.

"Como Aproveitar o Fim do Mundo" é, ao mesmo tempo, uma comédia e uma tragédia, por trazer um casal vivendo intensamente seus sentimentos e vontades, mas tendo em vista o fim iminente. "Esse assunto é muito recorrente na História da humanidade. É muito falado na internet. As pessoas realmente acreditam que pode acontecer", explica José Alvarenga Jr., diretor do programa.

Com texto de Alexandre Machado e Fernanda Young, o seriado mostra Kátia tentando realizar sua lista de pendências e seu mais novo amor, Ernani, entrando na onda de aproveitar os pequenos prazeres da vida. Para Alexandre, o foco não é falar sobre as teorias de fim de mundo e, sim, como duas pessoas encaram esse fato, com a melancolia e a graça que ele traz. "A história gira em torno dos dois, são diferentes mundos que encontram, juntos, uma maneira de lidar com isso", diz. "Os personagens tomaram o rumo deles. Eram dois opostos que acabaram gostando um do outro, mas isso é triste porque é uma história com final marcado."

A história conta ainda com Nelson Freitas, que deu uma pausa na veia de comediante em "Zorra Total", também da emissora, para interpretar um amigo do casal Kátia e Ernani, que tanto vai ajudar quanto atrapalhar. "Entre o nascer e a morte, é preciso aproveitar o meio. A gente se depara com a necessidade: ''preciso fazer o que eu quero''. Tomara que desperte isso nas pessoas", afirma o ator.

"Como Aproveitar o Fim do Mundo" terá um ''braço'' nas redes sociais, estimulando o público a tentar coisas inusitadas. Para o diretor José Alvarenga Jr., o tema do fim do mundo é inesgotável e não descarta uma continuação para o seriado, se, no fim das contas, o mundo continuar existindo. As informações são do Jornal da Tarde.

Mais conteúdo sobre:
Globo seriado

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.