ComKids Green mapeia mídia e meio ambiente no universo infantil

Falar de sustentabilidade para e sobre o universo infantil requer conteúdo. Nesta quinta-feira, em São Paulo, especialistas no assunto se juntam para trocar ideias e informações sobre o assunto. Das 10 h às 18h30, o Sesc Vila Mariana abriga quatro painéis de discussões para promover o ComKids Green, evento voltado à sustentabilidade.

CRISTINA PADIGLIONE, O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2012 | 02h09

O Com Kids Green é obra do ComKids, movimento dirigido por Beth Carmona, referência na área de mídia infantil. A Ong é uma união entre o Midiativa (Centro Brasileiro de Mídia para Crianças e adolescentes) e a Singular, Arquitetura de Mídia, que desde 2011 tem como objetivo maior criar ações de convergência do setor de mídia e cultura para a infância e desenvolver espaços para formação e articulação de profissionais dedicados à produção eletrônica dirigida a crianças.

Com parcerias do Sesc, Goethe-Institut e Fórum Brasil de Televisão, o ComKids Green extrapola a programação do dia por meio da série Senha Verde, que teve participação da TV Brasil e de canais de países vizinhos. Com patrocínio do Goethe, o programa narra histórias reais de crianças com o meio ambiente na Colômbia, Uruguai, Argentina, Venezuela e Brasil.

Entre as participações aguardadas para o evento no Sesc, Célia Catunda, criadora do Peixonauta - animação vencedora do Prix Jeunesse Iberoamericano 2009 - integrará a mesa Meio Ambiente na Tela. A ela se juntam Paula Taborda, do canal Gloob, Rosane Svartman, do filme Tainá 3 e Glauber Piva, da Ancine, sob mediação do editor da revista Tela Viva, André Mermelstein. Beth Carmona e os escritores Daniel Munduruku, Heloísa Prieto e Ilan Brenman também estarão lá.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.