Comércio lucra com julgamento de Jackson

Com a atenção da mídia voltada para o julgamento de Michael Jackson em Santa Maria, na Califórnia, o comércio local está lucrando ao máximo com o evento. Os donos de hotéis na cidade estão entusiasmados com o crescimento do negócio durante o que é normalmente considerada a pior época do ano. Além de um pacote romântico e de um fim-de-semana para jogar golfe, um dos hotéis do local também oferece um pacote especial para o julgamento do cantor.Nas redondezas do tribunal, o Caffe Diem vende cafés e espaço para trabalhar com internet rápida. A dona, Carmen Jenkins, diz que o julgamento aumentou a renda de seu negócio em cerca de 1.000%. "Eu tenho muitas contas para pagar, é bom", diz ela. O café aluga espaço para trabalhar por US$ 250 por pessoa. No primeiro dia de seleção dos jurados, o preço estava em US$ 500. Mesmo assim, o local ficou cheio de repórteres.Um site especial foi colocado no ar para promover restaurantes locais para jornalistas e advogados que estão na cidade. O Guia Gastronômico para o julgamento de Michael Jackson inclui em sua lista o restaurante The Hitching Post, que apareceu no filme Sideways - Entre umas e Outras, filmado na Califórnia.Uma galeria de eletrônicos no centro de Santa Maria está oferecendo um desconto de 15% para pessoas que apresentarem a credencial de imprensa para o julgamento. O panfleto, deixado nos carros estacionados perto do tribunal, sugere: "Depois de um dia cheio de movimento no tribunal, por que não dar uma passada no MotionZ?".O advogado Michael Clayton é dono de um apartamento no último andar de um prédio na frente do tribunal."Eu coloquei uma escada para que os jornalistas possam subir ao telhado do meu apartamento", disse ele, que organizou seis diferentes espaços em seu telhado para que empresas de mídia possam filmar o cantor chegando e saindo do tribunal.Clayton cobra US$ 2,5 mil por cada espaço por dia. "É um ótimo bônus de Natal."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.