Começa a lavagem do "Davi" de Michelangelo

Depois meses de polêmica, começa a limpeza de um dos maiores ícones da arte renascentista italiana, o Davi de Michelangelo. A escultura será lavada com compressas de água bidestilada e estará sob responsabilidade da restauradora italiana Cinzia Parnigoni. A limpeza poderá ser vista pelos visitantes da Galleria dell?Accademia de Firenze, cidade que guarda a obra. Prevê-se que a limpeza esteja completa em 2004, quando vão ser comemorados os 500 anos do Davi.Durante meses, discussões acaloradas sobre como lavar a escultura ocuparam restauradores italianos e de fora do país. Uns advogavam a limpeza a seco, alegando que a água poderia mudar características da obra. Outros achavam que o uso de água não só não prejudicaria, mas também ajudaria a trazer de volta a brancura que Michelangelo supostamente quis dar ao seu Davi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.