Colóquio sobre Lacan atrai artistas

Um colóquio reunindo psicanalistas, artistas, filósofos, dramaturgos e teólogos, começa hoje e prossegue até quinta-feira. A "Semana Lacan na Cidade" tem como objetivo avaliar o impacto do pensamento e da clínica lacaniana na sociedade e na cultura. Participam do evento nomes como o da artista plástica Maria Bonomi e do dramaturgo Eduardo Tolentino, ao lado dos psicanalistas Jorge Forbes, Márcio Peter de Souza Leite e Sandra Arruda Grostein, entre outros, para discutir a relação entre Lacan e as artes, a religião, a ciência. Colóquios semelhantes vem sendo realizados em comemoração ao centenário de nascimento de Jacques Lacan (1901-1981), em cidades como Paris, Nova York, Lima e Buenos Aires, onde a Fundação do Campo Freudiano e a Associação Mundial de Psicanálise, presidida pela filha de Lacan, Judith Miller, mantêm escolas. Em São Paulo, o colóquio será realizado em vários locais da cidade, como MIS, USP, PUC, no Centro Universitário Maria Antônia e na Secretaria de Estado da Saúde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.