Colômbia perde o escultor Negret

O escultor colombiano Edgar Negret, reconhecido por sua produção abstrata e geométrica, morreu anteontem, dia de seu aniversário de 92 anos, vítima de parada cardíaca. Estava em sua casa em Bogotá. A obra de Negret é considerada uma das mais representativas da escultura moderna colombiana e algumas de suas peças estão expostas em espaços públicos de Bogotá, Medellín e no Parque Olímpico de Seul. Filho de um general, o escultor nasceu na cidade de Popayán, onde fundou a Casa Museo Negret em 1985. Formado pela Escola de Belas Artes de Cali, viveu em Nova York e na Europa, regressando ao seu país em 1963. / AFP

O Estado de S.Paulo

13 Outubro 2012 | 03h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.