Mark Veltman/NYT
Mark Veltman/NYT

Clint Eastwood diz que gostaria de reencarnar como inseto

Se fosse possível a vida após a morte, o astro americano gostaria de voltar no corpo de um percevejo

Efe,

12 de novembro de 2010 | 15h59

Incerto da existência de vida após a morte, o astro americano Clint Eastwood disse que, se tivesse que reencarnar, gostaria de ser um inseto, mais precisamente um percevejo.

 

Em entrevista antecipada nesta sexta-feira pela revista alemã TV-Movie, Eastwood afirmou que a maioria das pessoas que tiveram experiência de quase morte asseguraram que "há algo depois dela".

"Pessoalmente, acho que isso é uma simples ilusão", disse o ator e cineasta na entrevista na qual fala sobre seu próximo filme, Hereafter, que conta a história de três pessoas que estavam clinicamente mortas e se recuperaram.

 

"Não vejo problema em pensar que, quando chegar a hora de ir ao além, será possível se reunir com familiares e amigos queridos, mas se isso não acontecer, será uma desilusão muito grande", afirmou.

 

Em tom de brincadeira, Eastwood disse ainda que, caso possa reencarnar, gostaria de ser um "percevejo", já que "é um inseto muito divertido".

 

"Sinceramente, acho que só existe esta vida, na qual devemos aproveitar todas as oportunidades", explicou o ganhador de cinco Oscar e que declarou ter como modelo a seguir na vida o diretor português Manoel de Oliveira, que tem 102 anos e "ainda segue dirigindo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.