Circo Imperial da China arma sua tenda em SP

Quem gosta de espetáculos de circo, mas não se sente seguro cercado de leões e elefantes em picadeiros improvisados, tem programa garantido neste fim de semana. Começa hoje, no Credicard Hall, uma temporada de 12 apresentações do Circo Imperial da China, um dos mais famosos do mundo, e no qual não há nem sombra de um animal de verdade.Com números de malabarismo, contorcionismo e acrobacias de tirar o fôlego, os 50 integrantes da trupe proporcionam duas horas de tensão e alívio aos espectadores. Um deles, Zhang Gong Li, de 19 anos, apresenta o número Balancing Chair, em que se equilibra sobre uma pilha de cadeiras de 10 metros de altura. Zhang ganhou a medalha de ouro no Festival Mundial do Circo, este ano, em Paris, com a apresentação.Cozinheiro - Treinados desde os 5 anos de idade, quando são escolhidos em testes feitos em toda a China, os artistas entram para o casting do grupo mais ou menos dez anos depois, quando já possuem total controle de seus movimentos. Disciplinados, são os próprios artistas que preparam sua comida e depois se encarregam da limpeza da cozinha, onde quer que estejam. Eles sempre viajam acompanhados de um cozinheiro.O Circo Imperial é mantido pelo governo chinês e funciona como uma propaganda cultural do País ao redor do mundo. O grupo já se apresentou em 75 países. O circo é uma das formas de arte prediletas dos asiáticos e na China os artistas circenses são tratados como as estrelas de cinema no mundo ocidental.Circo Imperial da China - de hoje a domingo e de 28/6 a 01/7. Quinta, às 21h30, sexta, às 22 h, sábado, às 17 h e às 22 h e domingo, às 16 h e às 20h30. Credicard Hall, Av. das Nações Unidas, 17.955, tel.: 5643-2500. Ingressos: de R$ 20 a R$ 80.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.