Divulgação
Divulgação

Cinco trilhas para relaxar em São Paulo

Em parques paulistanos, caminhos para entrar em contato com a natureza

FÁBIO ROSSINI, ESPECIAL PARA O ESTADO DE S. PAULO

04 de julho de 2014 | 10h50

A selva pode ser de pedra, mas São Paulo também tem muitas trilhas para quem gosta de ficar em contato direto com a natureza. O "É Grátis" separou cinco delas: 

Parque Estadual do Jaraguá 

Trilha do Pai Zé. Com 3,6 quilômetros, a trilha é recomendada para os mais experientes, principalmente por possuir muitas subidas e descidas, inclusive com trechos que passam pela Mata Atlântica mais fechada.

No caminho, a vista da cidade de São Paulo atrai os visitantes. O mirante do Pico do Jaraguá, ponto mais alto da cidade, é o ponto final da atividade. O percurso pode ser feito em 2h30.

Trilha do Silêncio. Longe dos sons característicos da cidade de São paulo, a trilha é pequena (apenas 828 metros). O caminho é todo plano e adaptado para receber cadeirantes, idosos e deficientes visuais (com ajuda de monitores).

O percurso pode ser realizado em 1h. Um dos destaques do local é um antigo tanque usado para garimpar ouro.

Parque Ecológico do Guarapiranga 

Trilha da Vida. Com apenas 65 metros, pode ser concluída em apenas meia hora. Diferentemente das demais, a trilha da Vida é percorrida com os olhos vendados, sob orientação de um monitor.

O objetivo é esquecer as câmeras fotográficas e do olhar e incentivar o uso dos outros sentidos. De acordo com os visitantes, trata-se de uma experiência única.

Parque Estadual da Cantareira

Trilha da Cachoeira. O parque possui três núcleos: o da Pedra Grande, o Engordador e o Águas Claras, com dezenas de trilhas disponíveis. Entre elas, a da Cachoeira é a mais complicada - por causa da sua extensão de 9,5 quilômetros.

Na chegada, a recompensa é uma bela vista da cidade de São Paulo. O percurso pode ser realizado em 3h.

Parque Estadual da Serra do Mar 

Trilha da Poção. Com 3,5 quilômetros (somando ida e volta), o caminho é feito apenas com a presença de monitores. Na trilha, os visitantes podem aproveitar para tomar um banho de cachoeira.

No trajeto, que pode ser concluído em aproximadamente 4h, esquilos e tamanduás curiosos observam as pessoas.

Informações: 

Trilha do Pai Zé
Endereço: Rua Antonio Cardoso Nogueira, 539
Acesso: Marginal Tietê, Rod. Anhanguera, saída km 18 – Av. Jornalista Paulo Zing/Estrada Turística do Jaraguá
Horário da trilha: Das 9h às 16h

Trilha do Silêncio
Endereço: Rua Antonio Cardoso Nogueira, 539
Acesso: Marginal Tietê, Rod. Anhanguera, saída km 18 - Av. Jornalista Paulo Zing/Estrada Turística do Jaraguá
Horário da trilha: Das 9h às 16h30

Trilha da Vida
Endereço: Estrada da Riviera, 3286
Acesso: Marginal Pinheiros – Estrada do Guarapiranga
Horário da trilha: Das 8h às 17h

Trilha da Cachoeira
Endereço: : Av. Cel. Sezefredo Fagundes, 19.100
Acesso: Rod. Fernão Dias, km 79 – sentido SP/MG. Entrar na alça de acesso para a Av. Cel. Sezefredo Fagundes, sentido Mairiporã – próximo à pedreira Itacema.
Horário da trilha: Das 8h30 às 15h30

Trilha da Poção
Endereço: Rua do Horto Florestal, 1200
Acesso: Rod. Ayrton Senna, Carvalho Pinto ou Presidente Dutra. Rod. Dos Tamoios até o km 80
Horário da trilha: Das 9h às 14h30

Tudo o que sabemos sobre:
É GrátistrilhasSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.