Ciclo mapeia 30 anos de Woody Allen

O Telecine Happy nunca foi mais feliz do que nestas duas semanas. De hoje a 24, o canal da Net/Sky mostra 14 filmes de Woody Allen, sempre às 21h45. O ciclo começa com Bananas, exibe amanhã Tudo o Que Você sempre Quis Saber sobre Sexo e, na quarta, O Dorminhoco. Se você estiver interessado só nos highlights, ligue-se: Noivo Neurótico, Noiva Nervosa passa sexta; Zelig, dia 19, A Rosa Púrpura do Cairo, dia 21, Hannah e Suas Irmãs, dia 22, Poderosa Afrodite, dia 23. O encerramento é com Todos Dizem Eu te Amo.Allen é o representante máximo da escola de humor judaico-nova-iorquina. É um humor sofisticado, no qual ele se destaca não só pelas características físicas (franzino, de óculos, narigudo), mas também pela capacidade intelectual. Pelo menos desta vez, o palhaço pode ser socialmente tímido e até solitário, mas agrada às mulheres e não é o típico desastrado das comédias pastelão. Imbecilidade, nem sonhar. Excesso de consciência, talvez. Neurose, sim. Ao longo dos 30 anos mapeados no ciclo do Telecine (Bananas é de 1971), Allen fez rir, pensar e abriu novos rumos para o cinema, com obras emblemáticas como Zelig e A Rosa Púrpura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.