Christie's leiloará em Paris a coleção de Yves Saint Laurent

Estilista, morto em junho, era considerado um dos últimos sobreviventes de grupo excepcional no ramo da moda

Efe,

17 de julho de 2008 | 18h21

A casa de leilões Christie's oferecerá ao melhor lance em fevereiro de 2009 em Paris a coleção do estilista francês Yves Saint Laurent, recentemente morto, e Pierre Bergé, informou a firma em um breve comunicado na quarta-feira, 16. A imprensa tinha informado nos últimos dias da possibilidade de que fosse leiloada a famosa coleção de arte do estilista, que inclui obras de Goya, Picasso, Mondrian, Warhol e Matisse e que poderia estar avaliada em 300 milhões de libras (US$ 599 milhões). "A Christie's se sente honrada ao anunciar a venda da coleção de Yves Saint Laurent e Pierre Bergé", indicou a firma, com sede em Londres, em comunicado, no qual não especificou os lotes que sairão a leilão nem a data concreta da disputa. O leilão será realizado em associação com Pierre Bergé & Associates, a casa de leilões propriedade do ex-sócio empresarial e companheiro do costureiro, morto em junho. Yves Saint Laurent, fundador da firma de roupa de mesmo nome, morreu aos 71 anos, após uma longa doença. O estilista era considerado um dos últimos sobreviventes de um grupo excepcional de nomes, integrado pelos também franceses Christian Dior e Coco Chanel, que fez de Paris a capital mundial da moda.

Tudo o que sabemos sobre:
Yves Saint LaurentChristie's

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.