Christie´s anula leilão de desenhos roubados

A casa de leilões Christie´s anulou a venda de nove desenhos sobre papel de projetos de edifícios públicos assinados por um dos mestres do movimento construtivista russo, o arquiteto Yakov Chernijov (1889-1951), depois de descobrir que eles tinham sido roubados.Um neto do arquiteto, Andrei Chernijov, declarou ao jornal "The Times" que, ao saber que algumas obras de seu avô seriam leiloadas em Londres, consultou o catálogo pela internet e identificou seis delas como pertencentes ao Arquivo de Literatura e Arte da Rússia.Catherine Mason, porta-voz da Christie´s, disse nesta quarta-feira à Efe que, inicialmente, Andrei Chernijov tinha questionado a autenticidade dos desenhos. Como a casa de leilões não tinha dúvidas sobre a autoria, decidiu manter a venda, dia 22 de junho, em Londres.A Christie´s leiloou os nove desenhos em cinco lotes, por cerca de 49 mil euros, mas depois cancelou a venda e devolveu os objetos roubados à Rússia.Segundo o jornal "The Times", as obras do construtivista, desaparecidas do arquivo do Estado russo, são avaliadas em milhões de euros.Não há certeza sobre a quantidade de obras desaparecidas. O neto do arquiteto calcula 700, a emissora Ejo Moskvy fala de 2.500, e o próprio arquivo disse que 274 foram recuperadas até agora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.