Chegou o tempo de tomar sopa

De boteco a restaurante de luxo, as mais variadas casas da cidade têm sopa no cardápio, que pode servir só de entrada, ou ser tão suculenta que vale como a única opção. O melhor de tudo é que cremes e caldos costumam ser baratos. Alimentam sem dar facadas no bolso da clientela. Confira as novidades dos festivais de inverno gastronômicos, aproveite e se jogue nas tigelas! Abruzzi: As sopas ganham destaque no cardápio, que traz um creme suíço (R$ 15), cappelletti in brodo (R$ 15), cappellini in brodo (R$ 15) e creme de palmito (R$ 16). R. Traipu, 145, tel.: 3822-0074. Alimentari: O cardápio a la carte preparado pelo chef Sergio Arno ganha diferentes sugestões para a estação, como o minestrone servido no pão italiano (R$ 19) e o crepe de morango servido com sorvete de chocolate e calda vermelha (R$ 10), como sobremesa. R. Pedroso Alvarenga, 527, 3167-3609. A Marcenaria: A chef Ana Rodrigues acaba de reformular o menu e traz dicas bem quentinhas, como a sopa de abóbora com manjericao" (R$ 15). R. Fradique Coutinho, 1.378, tel.: 3032-9006. Bar do Juarez: Para a chegada dos dias frios, o boteco preparou caldinhos de camarão (R$ 6), de abóbora com gorgonzola (R$ 5), caldo verde (R$ 5), caldinho de feijão (R$ 5) e até uma canja esperta, com galinha caipira, arroz, batata e cenoura com gema de ovo (R$ 12). São dois endereços: Av. Juscelino Kubitschek,1.164, tel.: 3078-3458, e Av. Jurema, 324, tel.: 5052-4449. Cantaloup: O chef Naim usou a criatividade para renovar o cardápio de inverno, onde tem um creme de aipim com salpicão de camarão e salsa fresca (R$ 22) e a sopa de abóbora com creme azedo (R$ 18). R. Manuel Guedes, 474, tel.: 3078-9884. Democrata: A choperia do Tatuapé tem algumas opções de caldos no menu, como o caldinho de feijão preto com bacon frito e salsinha (R$ 4) e o caldo verde (R$ 5). R. Itapura, 1.056, tel.: 6942-7078. Dolce Villa: Lindinha Sayon acrescentou ao cardápio a sopa de milho verde assado na grelha (R$ 17,50), a sopa-creme de vinho do Porto aos camarões (R$ 22,40) e promoveu o retorno da tradicional sopa-creme de queijos (R$ 25), servida no pão italiano. De sobremesa, a sugestão é a sopa de chocolate aos morangos (R$ 10,80), com cobertura de suspiro. R. Pedroso Alvarenga, 554, tel: 3167-0007. Don Mariano: Vai até o dia 30 o festival de sopas da casa, a R$ 19,70. Entre as opções estão a sopa de ervilhas de mandioquinha, canja, creme de aspargos e creme de palmito. R. João Cachoeira, 178, tel.: 3167-6954. Favela: Cremilda é uma sopa de creme de brócolis (R$ 13,50) e Severina é uma sopa de cebola (R$ 13,50). Os nomes divertidos fazem parte do marketing da casa. Acompanha cesta de pães. R. Atilio Innocenti, 419, tel.: 3848-6988. Giallo: O restaurante do hotel Meliá Higienópolis altera as sopas do bufê todas as noites. Tem minestrone, sopa de cebola, de agrião, de galinha, legumes, cenoura e laranja, caldo verde,de amêndoas, brócolis, mandioquinha, de beterraba, de abóbora, entre outras. Para acompanhar, croutons, torradas, queijo,pães,molhos, patês diversos, tudo a R$ 15. R. Maranhão, 371, tel.: 3665-8200. Le Tan Tan: A chef Tatiana Szeles está com três novidades no menu para aquecer o inverno paulistano: o creme de inhame com foie gras (R$ 14,30), a sopa de abóbora com queijo gruyère e croutons ao curry (R$ 10,70) e sopa de tomate e manjericão (R$ 9,80). Le Tan Tan: R. Alvaro Annes, 43, tel.: 3814-8662. Maricota: Para este inverno, o lugar - misto de doçaria e restaurante - está com as sopas prontas para servir, como o creme de alho poró, o creme de legumes, o creme de beterraba e a tradicional minestroni. Cada prato custa R$ 5,10. Av. Juscelino Kubitschek, 1.101, tel.: 3044-3097. O Compadre: O bufê acaba de ganhar quinze tipos de sopas, cremes e caldo, que mudam diariamente. Entre as opções estão os cremes de aspargo, de palmito, de mandioquinha e de abóbora com queijo gruyère. Os clientes têm também a opção do vinho quente (R$ 4,50), e quentão (R$ 3). De segunda à sexta-feira, o bufê custa R$ 18,90. Sábados, domingos e feriados, sobe para R$ 23,90. Av. Otto Baumgart, 500, loja 201, Shopping Lar Center, tel.: 6222-3131. Ritz: Até domingo, está em cartaz o creme de aipo com cebola, batata, e tempero de endro. Do dia 21 ao 27, entra em cena o caldo japonês de peixe seco. De 28 de julho a 3 de agosto, o cardápio ganha a sopa creme de abóbora e de 4 a 10 de agosto, a sopa francesa de cebola. As sopas custam R$ 12,60. Al. Franca, 1.088, tel.: 3088-6808. Santa Esquina: O chef Gustavo Rozzino incluiu no cardápio uma sopa de feijão com shimeji glaceado no tare (R$12) e outra de mandioquinha e carne seca (R$ 12). R. Bragança Paulista, 1.240, tel. 5643-8882. Sushi Guen: O cardápio de inverno traz cinco opções de sopas clássicas da culinária japonesa, com caldos de peixe variados como a Tempurá Udon (R$ 19,50); a Nabeyaki Udon (R$ 19,50) e a Su Udon (R$ 15,50). R. Pedroso Alvarenga, 553, tel.: 3168-9554. The View: A chefe Tuca Antonio caprichou na receita do creme de mandioquinha salpicado com camarão. Custa R$ 18, e de quebra tem a bela vista do lugar. Al. Santos, 981,30º. andar (cobertura), tel.: 3266-3692. Tournage: O sofisticado restaurante tem creme de cenoura (R$ 14), creme de aspargos verdes e ovas de salmão (R$ 28) e um creme de milho verde com lagostin (R$ 32). R. Amauri, 234, tel.: 3079-3062. Tribeca: O festival de inverno do restaurante do Itaim traz sopas, como o creme de abóbora com alecrim e amêndoas, a sopa de cebola gratinada, o creme de cenoura com gengibre e a sopa thai de frango. Acompanham queijos variados, cesta de pães e uma taça de vinho, tudo por R$ 28, por pessoa. R. Jerônimo da Veiga, 163, tel.: 3168-0155. Vila Conte Caffé: A casa que funciona 24 horas oferece seis opções de sopas, sempre com direito a uma taça de vinho tinto. Tem minestrone, cappelletti in brodo, canja, sopa de cebola, creme de palmito e o creme de cogumelos, a R$ 10,80, cada uma. Av. Macuco, 559, tel.: 5054-0166. Vítreo: No menu servido no almoço de 2ª a 6ª, o cliente escolhe entre duas entradas, três pratos principais e duas sobremesas e paga R$ 24. Uma das opções é a sopa de mandioquinha e alho poró. No Jantar, tem a sugestão do chef e uma delas é o creme de abóbora com queijo branco por R$ 6. R. Oscar Freire, 512, tel.: 3062-7001 Zatar: O cardápio de inverno da casa tem um caldinho de feijão branco com molho pesto e farofa de nozes (R$ 12), uma sopa de alho porro com batata e ricota defumada (R$ 11), e um caldo de mandioquinha com milho e bacon (R$ 11). R. Chilon, 72, tel.: 3045-0077 Zocche: O festival de inverno começa nesta segunda-feira e vai até o dia 3 de agosto. As receitas são de família, como a sopa de fava seca com shitake, alho poró crocante, amêndoas torradas e croutons. A refeição completa custa R$ 60, por pessoa. R. Clodomiro Amazonas, 541, tel.: 3168-2139.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.