Paul Buck/Ap - Arquivo
Paul Buck/Ap - Arquivo

Charlie Sheen e ex-mulher disputam guarda de filhos

Ambos têm passagens por clínicas de reabilitação por dependência de drogas e álcool

REUTERS

19 Abril 2011 | 15h42

O ator Charlie Sheen e sua ex-mulher Brooke Mueller foram a um tribunal de Los Angeles nesta terça-feira para brigar pela guarda de seus dois filhos.

Sheen, de 45 anos, que em março foi demitido da comédia de sucesso da TV CBS Two and A Half Men, está pedindo a guarda exclusiva de seus filhos de 2 anos, Max e Bob. O juiz da audiência desta terça-feira não permitiu o acesso da imprensa à sessão.

Sheen e Mueller, que foi sua terceira esposa, se divorciaram no ano passado, depois que o ator foi condenado por agredi-la em dezembro de 2009, durante uma discussão quando estava embriagado.

Ambos já têm passagens por diversas clínicas de reabilitação em função da dependência de drogas e álcool.

No acordo de divórcio, Mueller recebeu a guarda física principal dos gêmeos. No mês passado ela conquistou uma ordem temporária contra Sheen que o obriga a manter distância dela, e a polícia retirou os dois meninos da casa do ator.

Os advogados de Sheen devem argumentar que Mueller, de 33 anos, teve uma recaída e já não tem condições de cuidar dos gêmeos.

Sheen foi despedido por ter insultado os produtores de Two and a Half Men em uma série de entrevistas que deu em março, pouco depois de iniciar um tratamento de reabilitação incomum, feito em sua própria residência, após uma festa regada a cocaína que durou 36 horas.

(Reportagem de Jill Serjeant)

Mais conteúdo sobre:
Charlie SheenTwo and a Half Men

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.