Carnaval está garantido na tevê aberta

Se você é daqueles carnavalescos que torce por uma determinada escola de samba de São Paulo e outra no Rio de Janeiro (e que não será um dos privilegiados que acompanhará os desfiles nos respectivos sambódromos), não precisa se preocupar. Durante quatro noites a Rede Globo transmitirá a festa das duas capitais, incluindo flashes das comemorações de carnaval em todo o País. Este é o primeiro ano que o desfile de São Paulo será transmitido na íntegra para todo o Brasil.As transmissões começam a partir de sexta-feira, dia 23, às 22 horas, com o desfile das escolas de samba de São Paulo, e têm seqüência no sábado, dia 24, a partir de 22h30. Detentora das transmissões dos desfiles, a Globo este ano não transmitirá o desfile das campeãs, no sábado, cedendo gratuitamente os direitos para a Band, que venderá as cotas de patrocínio que ajudarão a arcar com as despesas gerais do investimento.Os jornalistas Brito Jr., Mariana Godoy e Maurício Kubrusly estarão encarregados da locução do desfile. Os repórteres César Tralli, José Roberto Burnier, Graziela Azevedo, Priscila Brandão e Sônia Bridi estarão espalhados pela avenida trazendo os detalhes da festa.O melhor posicionamento das 25 câmeras é uma das novidades para este ano, prometendo melhores ângulos para quem acompanha a folia do sofá da sala. O sistema de iluminação na concentração e dispersão também foi melhorado. O toque de humor mais uma vez ficará por conta do repórter Márcio Canuto, que promete entrar na avenida fantasiado como o personagem principal do enredo de cada escola. No Rio de Janeiro, alvo de grandes expectativas de audiência, a Globo promete grandes novidades para o delírio dos foliões, como o estúdio de vidro transparente e em forma de bolha que está sendo construído em cima dos camarotes vips da Marquês de Sapucaí. A idéia é usar um braço mecânico para projetá-lo fora da linha dos camarotes, como se fosse uma nave espacial sobrevoando a avenida. O uso de duas câmeras-gruas deverão proporcionar uma visão geral do estúdio, que terá o desfile acontecendo ao fundo.

Agencia Estado,

18 de fevereiro de 2001 | 21h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.