Cantora italiana de jazz é morta ao cruzar rua em Manhattan

A cantora italiana de jazz Daniela D'Ercole foi atropelada e morta por um veículo ao cruzar a Broadway, em Manhattan, na noite de quinta-feira, informou a polícia.

REUTERS

11 de novembro de 2011 | 20h42

Daniela, de 32 anos, foi declarada morta no hospital St. Luke depois de ser atingida por um carro pouco antes da meia noite ao atravessar a Broadway na altura da rua 106, um grande cruzamento com cerca de 10 faixas.

A cantora, que lançou seu primeiro CD "The Peacocks" há alguns meses, se apresentou em várias casas em Nova York em outubro, de acordo com sua página na Internet.

A polícia informou que o caso não era criminoso e que, portanto, não haverá qualquer indiciamento.

(Reportagem de Chris Michaud)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTEITALIANAJAZZMORRE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.