Cantão encerra o quinto dia de desfiles no Fashion Rio

Destaque desta quarta é a atriz Fernanda Lima, que desfila pela Jabor um mês depois de dar a luz a gêmeos

Fabiana Cimieri, O Estado de S. Paulo

11 de junho de 2008 | 23h22

  Tasso Marcelo/AEDesfile da grife de Carlos TufvessonA Cantão encerrou o quinto dia do Fashion Rio com uma apresentação leve e colorida como é característica da marca, uma das preferidas dos cariocas. O desfile foi inspirado no Oceano Pacífico. A estilista Yame Reis apostou em peças que segundo ela já estavam nas ruas como os chapéus de abas largas, bolsas grandonas de tecidos estampados, vestidos amplos e coloridos, bermudas e shorts. Veja também:Confira galeria de fotos do Fashion Rio  Grife Coven dá toque oriental ao seu desfile Na passarela, as cores predominantes forma azul, verde, pink, amarelo e coral. A Cantão se inspirou na camisas havaianas criando 27 estampas que lembravam os florais típicos do Havaí, misturados aos traços mais característicos da estamparia japonesa. Os vestidos podem ser considerados as peças-ícone da estação: transpassados, amarrados, frente única, longos ou curtos, não importa. São essenciais para o próximo verão. O quimono também aparece como peça-chave com cintura marcada por obis (larga faixa de tecido estampado). Os tecidos são leves e sedosos, com uma mistura de algodão e seda ou viscose e algodão. Já o desfile de retorno de Carlos Tufvesson ao Rio, depois de quatro anos apenas na São Paulo Fashion Rio, foi o mais concorrido da quinta noite da semana de moda carioca. Até o governador, Sérgio Cabral Filho (PMDB), e a primeira-dama, Adriana Alcelmo, assistiram ao desfile na primeira fila. Além deles, celebridades como Giovana Antonelli, Cristiane Torloni e Toni Garrido foram prestigiar o estilista que mostrou ser um dos queridinhos das celebridades. Na passarela, Tufvesson fez uma coleção inspirada no Rio e seus antagonismos. "Uns vestidos são mais fluidos e outros mais estruturados, lembrando a topografia da cidade. Vou do mini ao maxi, do zoom in ao zoom out", disse ele. O desfile apresentou duas partes bem definidas. Na primeira, vestidos curtos, retos e mais estruturados. Na segunda parte, o estilista usou tecidos mais fluidos como organza e crepe de seda, trazendo modelitos com mais movimento e leveza. "Eu sou suspeita para falar, porque sou fã do Tufvesson. Ele fez meu vestido de noiva e é meu amigo. Adorei e usaria quase tudo", disse a primeira-dama. FERNANDA LIMAApenas um mês depois de dar a luz a gêmeos, a atriz e apresentadora Fernanda Lima abriu o desfile de Juliana Jabor, de quem é amiga e para quem sempre desfila no Fashion Rio. Ela entrou na passarela com um vestido de tafetá azul marinho tomara que caia, curto e balonê, exibindo uma excelente forma. A coleção veio bem ao estilo da marca: colorida, despretensiosa e alegre. Juliana diz ter se inspirado nas férias de verão e em tudo o que ele se traduz como praia, sol, passeio de bicicleta e de barco.  "Quis sair um pouco do óbvio do estilo navy com tudo vermelho, azul e branco. Apostei nos aquas (azuis) e no coral, com as formas amplas, drapeados e balonês já característicos da marca", disse ela. O carro-chefe da coleção mais uma vez foram as malhas. Mas a estilista vem cada vez investindo mais em tecidos nobres para dar forma a vestidos de festa. Para isso, usou tafetás de seda e tecnológico, cambraia e georgete de seda. Como outros estilistas nesse Fashion Rio, ela investiu nos bordados. Sobre a participação da atriz Fernanda Lima, Juliana diz que não poderia deixar de tê-la na passarela. "Fernanda é a personificação da minha marca."

Tudo o que sabemos sobre:
Fashion Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.