Canal Brasil exibe 'Veias e Vinhos', de João Batista de Andrade

História do filme é real e mostra como armazém de Goiânia vira palco dos conflitos políticos

Luiz Carlos Merten, do Estadão,

07 de julho de 2016 | 12h46

Sempre interessado em relacionar a história do Brasil a destinos (e tragédias) individuais, João Batista de Andrade tinha um bom material em Veias e Vinhos, nesta segunda-feira, 16, às 22 horas, no Canal Brasil.  A história, adaptada do livro de Miguel Jorge, é real e mostra como armazém de Goiânia vira palco dos conflitos políticos do País, durante o governo JK e os primeiros anos do regime militar. Um homem é acusado de matar a própria família e forçado a confessar o crime que não cometeu.  Andrade pode não ter pensado especificamente em O Caso dos Irmãos Naves, mas seu filme lembra o clássico de Luiz Sérgio Person, nos anos 60, que era mais forte. Por melhores que sejam algumas cenas (e as intenções do diretor), a estética do seu filme, pelo didatismo excessivo, já nasceu ultrapassada.

Tudo o que sabemos sobre:
Canal BrasilVeias e Vinhos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.