?Cambaio?, de Edu e Chico, já fica de pé

Cambaio: de pernas arqueadas, trôpego. Além de dar nome à nova parceria de Chico Buarque e Edu Lobo, esse adjetivo se presta também a caracterizar o processo de elaboração do musical dirigido por João Falcão e escrito por ele em parceria com sua mulher, Adriana Falcão. A um mês da estréia, Cambaio ainda está cambaleando, intencionalmente. João Falcão optou por, ao interagir com os 18 artistas que vão transpor para o palco as músicas de Chico e Edu, partilhar com eles a criação do espetáculo. "Todo o elenco está sendo preparado para interpretar todos os papéis. Isso resulta num grupo muito bem entrosado, afinadíssimo", diz. "A idéia é, ao longo da temporada, revezar os personagens entre os atores." A história do triângulo amoroso entre um popstar ("O Cara"), uma fã ("A Bela") e um cambista ("O Rato") está sendo ensaiada há quase três meses pelos artistas, que além de atores são cantores, bailarinos e músicos. Num cenário simples - "basicamente uma estrutura metálica que divide o palco em dois planos" -, eles vão criar ora um beco soturno, o habitat de um rato, ora um ambiente de show, morada de uma celebridade. Em Cambaio, sonho e realidade se misturam. "É difícil definir o que é fantasia e o que não é", diz Falcão. Trupe novata - Sonho é o que vem vivendo o elenco de jovens talentos - a média de idade é 25 anos - escolhido entre cerca de 4.300 candidatos de todo o País por sua "musicalidade e disponibilidade para a experimentação". Uma rotina de ensaios puxada (diariamente, das 10 às 20 h), que inclui encontros com Lenine, o diretor-musical do espetáculo, e com Chico Buarque e Edu Lobo - a dupla já compareceu cinco vezes ao teatro do Sesc Vila Mariana, em São Paulo, onde está sendo preparada a montagem, com estréia prevista para 20 de abril. "Há muita troca entre todos os envolvidos no processo. Queremos formar novos profissionais", diz Falcão. Por isso, ensaios, criação e confecção de figurinos e cenários estão sendo acompanhados por 25 estagiários, que auxiliam no registro dos melhores momentos do dia-a-dia para o making-off a ser lançado em vídeo e livro. Além desse material, Cambaio irá gerar dois CDs: um com a trilha da peça, cujos arranjos são de Lenine, e outro com as versões originais de Chico e Edu. Até agora, a dupla já compôs oito canções para o espetáculo; há a possibilidade de que sejam criadas ainda outras duas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.