Bussunda é enterrado no Rio de Janeiro

Apaixonado pelo Flamengo e pela seleção brasileira, o humorista Claudio Besserman Vianna, o Bussunda, foi enterrado neste domingo, no Rio, minutos depois da vitória do Brasil contra a Austrália. Ele morreu na manhã de sábado, na Alemanha, de infarto fulminante.Por causa da coincidência de horário com o jogo, apenas parentes e amigos próximos acompanharam o cortejo. O corpo deixou o ginásio Hélio Maurício, no Clube de Regatas do Flamengo, onde foi velado, com a seleção ainda em campo, minutos depois do primeiro gol.O irmão de Bussunda, Sérgio Besserman Vianna e os seis membros do Casseta & Planeta carregaram o caixão do humorista. A filha Júlia, de 13 anos, não acompanhou o enterro.No velório, os companheiros de Bussunda no Casseta & Planeta deram uma entrevista. Todos abraçados e muito emocionados falaram sobre a perda do amigo, a quem consideravam como irmão. O casseta Claudio Manoel disse ter ficado impressionado com o carinho dos fãs que estouraram o limite de comentários no blog do grupo. Apesar de todos serem unânimes em afirmarem que não pensaram ainda no destino do programa, Marcelo Madureira disse que "a missão é continuar, porque a vontade de Bussunda é de que eles continuem". O diretor do programa, José Lavigne, classificou o humorista como o Buda, o Dalai Lama - o ponto de equilíbrio do grupo.Para o casseta Reinaldo Baptista, o otimismo de Bussunda "talvez o tenha atrapalhado", porque ele pode ter achado que a dor que sentiu depois de jogar futebol não fosse nada.Colegas da TV GloboEstiveram no velório colegas da TV Globo, como o casal de apresentadores Luciano Huck e Angélica, a atriz Regina Casé, o autor de novelas Manoel Carlos, o vice-prefeito Otávio Leite, o cantor Gabriel Pensador, o deputado federal Fernando Gabeira e o ex-jogador de futebol Branco. "Não consigo acreditar ainda. Ele tinha um humor sincero, carioca e muito humilde. Agora temos que rezar e dar força para a família dele e para a família Casseta & Planeta", disse Angélica. "Para que eles continuem a trajetória do grupo. É muito triste mas agora o céu está mais feliz", completou Huck.O deputado federal Fernando Gabeira (PV-RJ) disse que Bussunda fazia os personagens mais populares do País, como presidente Lula e o jogador Ronaldo, além de ter uma trajetória política muito nítida. "Eles constantemente vão ao Congresso fazer os programas. Eu tinha sete votos e perdi um", brincou.Muito triste, a atriz Regina Casé disse que lembrará sempre do sorriso do amigo. E o cantor Gabriel Pensador desabafou: " É muito triste ver essa galera chorando e associar à imagem dele. que era e vai continuar sendo de alegria".O diretor José Lavigne disse neste domingo no velório de Bussunda que o programa Casseta & Planeta Urgente da próxima terça-feira será uma homenagem ao humorista, quando serão utilizadas todas as cenas de que ele mais gostava - além de imagens de arquivo desde a época em que ele era estudante de jornalismo da UFRJ. "Não sei se o público vai gostar, mas certamente o Bussunda gostaria", disse ele, que ainda não sabe o que acontecerá no programa seguinte, que ainda não tem cenas gravadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.