Brasileiro vence prêmio na Ucrânia

O artista plástico brasileiro Jonathas de Andrade está entre os vencedores do prêmio ucraniano Pinchuk. Os vencedores foram eleitos por um júri de peso, que contou com Carolyn Christov-Bakargiev, curadora da última edição da Documenta, em Kassel, na Alemanha, o curador brasileiro Agnaldo Farias, que esteve à frente da Bienal de São Paulo em 2010, o italiano Massimiliano Gioni, que será o curador da próxima Bienal de Veneza. Além de premiações em dinheiro que vão de US$ 20 mil a US$ 100 mil, os artistas receberão apoio para realizar residências artísticas pelo mundo. A inglesa Lynette Yadom-Boakye venceu o prêmio principal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.