Brasileiro é premiado na London Fashion Week

O santista Bruno Basso, de 26 anos, deixou os ingleses boquiabertos quando mostrou, ontem, suas estampas pornográficas na passarela do Fashion Fringe, que concede um prêmio para jovens estilistas na Grã-Bretanha, durante a London Fashion Week. Designer da marca Basso & Brooke, ao lado do britânico Christopher Brooke, o trabalho do brasileiro recebeu muitos aplausos da platéia. Além de toda a publicidade, a grife abocanhou o primeiro lugar do concurso e generosas 100 mil libras esterlinas (pouco mais de R$ 500 mil).Basso mora em Londres há três anos. Ele trabalhou com produção de eventos e direção de arte até decidir aplicar na moda o seu talento em design. "Brasileiro tem uma noção diferente para show por causa do Carnaval. E também sabemos usar cores de uma forma criativa", diz. O que soa como cliché se demonstrou na passarela: os outros três finalistas mostraram trabalhos praticamente monocromáticos. A última a ser apresentada, a coleção da dupla Basso & Brooke, foi nitidamente a favorita do público do evento, que terminou com uma badalada festa na loja de departamentos Selfridges. Para chegar à final do Fashion Fringe, a marca enfrentou a concorrência de outros 300 candidatos. O júri que concedeu o prêmio para a melhor coleção, incluiu a editora-chefe da Vogue inglesa, Alexandra Shulman, e a executiva-chefe da Burberry, Rose Marie Bravo. Essa foi a primeira edição do concurso, que tem por trás Colin McDowell, célebre jornalista de moda do Sunday Times.A marca já vende em Londres na loja Coco de Mer, uma espécie de sex shop sofisticada. Graças ao concurso, a grife negocia agora a distribuição de suas peças em endereços nobres, como a Harvey Nichols, em Londres, e a Bloomingdale´s, em Nova York.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.