Brasil vai à passarela da moda em Nova York

A criatividade brasileira vai dar expediente na 7th on Sixth, a Semana de Moda Oficial de Nova York, que começa segunda-feira, dia 18, e vai até o dia 22. Além de Fause Haten, que participará pela segunda vez da mostra, com desfile agendado para o dia 21, a Rosa Chá levará uma inédita apresentação de moda praia à passarela. Em 15 anos de evento, nunca uma visão de verão com tão pouco pano foi mostrada em Nova York. Paulo Liebert - Arquivo/AE Rosa Chá: pela primeira vez haverá um desfile de verão com ênfase para moda praia na Semana de Moda de Nova York. Ponto para Amir Slama Amir Slama, criador da grife, terá casting só com beldades made in Brasil. Serão 26 garotas nacionais, com tops como Fernanda Tavares, Geísa, Mariana Weickert e, possivelmente, Gisele Bündchen, cuja presença ainda está sendo negociada. "É um sonho", diz Slama sobre a participação na Semana de Moda de Nova York. A marca iniciou um processo de internacionalização há três anos e hoje está em 80 pontos-de-venda só nos Estados Unidos. "Este é um momento muito forte do Brasil no exterior, mas nós queremos realizar um trabalho mais constante. A resposta comercial mostra que isso é possível", avalia. Para levar seu desfile à 7th on Sixth, Slama conta com apoio da Santaconstância, Du Pont, Tencel, e da gravadora Trama. Novos talentos - A apresentação em Nova York será igual à feita no MorumbiFashion, com direito a show de Pedro Camargo Mariano. Já Fause Haten optou por levar uma coleção diferente da mostrada aqui. Haten criou peças inéditas especialmente para o desfile de Nova York, quando, mais uma vez, terá as tops brasileiras na passarela a seu favor. Outro brasileiro que terá chance de mostrar sua moda para os americanos é Lorenzo Merlino. O estilista foi o escolhido para fazer parte do evento Os Modernistas, iniciativa inédita da Tencel - uma das patrocinadoras da Semana de Moda de NY -, que reunirá, neste sábado, oito novas promessas da moda mundial. Cada criador fez sua peça exclusivamente com tecidos de Tencel. "São 18 looks, todos femininos, em que faço contraposições entre justos e volumosos. Nas cores predominam preto, cinza e cru, e há muitas estampas de pássaros", conta Merlino. Bodies e tricôs são as novidades nas modelagens. Os outros estilistas que participarão do evento são Gaspard Yurkievich (França) que trabalhou com Thierry Mugler e Jean Paul Gaultier, Ichiro Iseta (Tóquio), ex-estilista chefe de Yohji Yamamoto, a designer de tecidos Jeniffer Hoar (Nova York), que já forneceu para Oscar de la Renta e Valentino, além de Ann Louise Roswald, da Inglaterra, Elio Ferraro, da Itália, Takashi Kataoka, do Japão, e R. Scott, dos Estados Unidos. Aproveitando a boa fase do Brasil, a Swarovski, gigante mundial dos cristais, vai realizar, no período da 7th on Sixth, uma exposição inédita com estilistas nacionais no Swarovski Creative Service Center (29 West 57th Street). Denominada Semana dos Criadores Brasileiros, a mostra terá 15 peças, de Walter Rodrigues, Fause Haten, Alexandre Herchcovitch, Lino Villaventura, Mareu Nitschke e da M.Officer de Carlos Miele

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.