Brasil ganha concurso gastronômico no México

Não são apenas os atletas brasileiros que fazem bonito em competições fora do País. Na última semana, o chef de cozinha Marcelo Pinheiro e seu ajudante José Eduardo Baneza ganharam medalha de ouro no 1.º Gran Concurso Culinário Latino-Americano Azteca, promovido na Cidade do México, que reuniu grandes nomes da alta gastronomia durante uma das maiores feiras de alimentação e hospedagem da América Latina, a Abastur Rest-Hotel. Para provar que a boa culinária não se restringe à Europa, o México criou o concurso para concorrer com o tradicional francês Bocuse D´Or. Além do reconhecimento internacional, os vencedores ganharam prêmio no valor de US$ 10 mil, um troféu de bronze e diploma. Em segundo lugar ficaram os argentinos, que ganharam US$ 6 mil; e em terceiro os chilenos, que receberam US$ 3 mil. Realizado nos mesmos moldes do Bocuse D´Or, o Gran Concurso Culinário Latino-Americano Azteca reuniu 12 equipes, que se apresentaram entre os dias 1º e 3, conforme sorteio. Os brasileiros foram os últimos a mostrar suas receitas, uma entrada com peixe e um prato principal com carne, ambos com duas guarnições. Eles tiveram que preparar suas receitas em cinco horas.As receitas que conquistaram o paladar do júri foram: salmão com musse de vieira, acompanhado de bobó de camarão em miniabóbora e tartar de enguia com ostras frescas e geléia de água de ostra e capim-santo; e costeleta de cordeiro com crosta de champignons selvagens e filé de cordeiro recheado com manjericão e pinoles, minirravióli recheado com queijo de cabra e abóbora e miniberinjela recheada com a própria polpa assada e chorizo espanhol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.