Brasil é tema de mostras em Milão

De amanhã até o dia 30, Milãoserá tomada por uma série de eventos relacionados ao Brasil, queapresentarão ao público italiano a história, a música, agastronomia, os esportes, o design e o turismo nacional numasérie de iniciativas reunidas num grande festival intituladoExpo Universo Brasil. O evento Brasil, 500 Anos em 11 Diasse desdobrará em três diferentes espaços da cidade e aexpectativa dos organizadores é atrair mais de 100 milvisitantes. A grande atração da noite de inauguração será o showde Elba Ramalho, no Milano Italia OnLine Stadium. Jair Rodrigues, Jorge Ben Jor e Luciana Melo também se apresentarão no mesmolocal. Quatro eixos expositivos foram definidos para apresentara cultura brasileira aos milaneses. A primeira trará vastadocumentação sobre o descobrimento; a segunda tratará de um temacaro aos dois países envolvidos e versará sobre a imigraçãoitaliana; as duas últimas têm um apelo mais popular,apresentando panoramas sobre o futebol e os campões brasileirosde Fórmula 1. Paralelamente aos eventos que fazem parte da ExpoUniverso Brasil, a produção artesanal e industrial brasileiraterá um espaço nobre num dos acontecimentos mais importantes dacapital mundial de design. A Trienal de Milão, que abre asportas na segunda-feira, terá uma participação especial doBrasil, com uma grande exposição sobre design, que enfocarávárias questões importantes para a produção nacional como oecodesign, as inovações locais e a importância da mão-de-obraitaliana no desenvolvimento dessa cultura material. A exposição, organizada pelo Objeto Brasil (instituiçãocriada em 1996 com o objetivo de mapear e divulgar o designbrasileiro dos últimos 500 anos para valorizar a marca Brasil eque é uma das organizadoras da Expo Universo Brasil), é umaespécie de continuidade da série de mostras organizadas noBrasil em torno das comemorações dos 500 anos de descobrimento.A última delas ocorreu recentemente, na Pinacoteca do Estado. Como costuma ocorrer nos eventos organizados pelo ObjetoBrasil, o leque de objetos selecionados é extremamente diverso,incluindo desde produtos artesanais inspirados na tradiçãoindígena, até inovações de ponta como sofisticados aparelhos desom, desenhos de mobiliário e exemplos de bem-sucedidas e rarasestratégias de produção de cunho mais popular, como as sandáliasHavaianas. A curadoria da exposição é assinada por Joice JoppertLeal, que dirige o Objeto Brasil, e Marcelo Suzuki. A mostradeve seguir posteriormente para outras cidades européias, comrealização já confirmada para o próximo ano, em Roma. Mesmo sem um espaço especial na Expo Universo Brasil, odesign brasileiro estará representado no festival por uma feirade produtos brasileiros, na qual várias empresas nacionaisestarão vendendo, em 27 estandes, sua produção aos milaneses. Além disso, para discutir questões técnicas econceituais que envolvem alguns importantes setores econômicos,como o de têxteis, embalagem, alimentos, jóias e artesanato, foiorganizado no Palazzo Affari ai Giureconsulti um seminário sobreindústria, inovação e design, que ocorrerá no dia 28.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.